Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > Codevasf repovoa “Velho Chico” com espécies nativas durante 131ª Festa de Bom Jesus dos Navegantes de Penedo
conteúdo

Notícias

Codevasf repovoa “Velho Chico” com espécies nativas durante 131ª Festa de Bom Jesus dos Navegantes de Penedo

A 131ª edição da secular Festa de Bom Jesus dos Navegantes de Penedo (AL), no Baixo São Francisco alagoano, contou mais uma vez com o tradicional peixamento realizado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). No domingo, 11 de janeiro, antes que as embarcações seguissem em procissão nas águas do Velho Chico em referência ao protetor dos navegantes, milhares de alevinos das espécies matrinxã, pacamã, piau, xira e piaba foram inseridos no rio em mais uma ação do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do São Francisco.
publicado: 13/01/2015 09h45, última modificação: 20/06/2018 17h30

A 131ª edição da secular Festa de Bom Jesus dos Navegantes de Penedo (AL), no Baixo São Francisco alagoano, contou mais uma vez com o tradicional peixamento realizado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). No domingo, 11 de janeiro, antes que as embarcações seguissem em procissão nas águas do Velho Chico em referência ao protetor dos navegantes, milhares de alevinos das espécies matrinxã, pacamã, piau, xira e piaba foram inseridos no rio em mais uma ação do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do São Francisco.

O peixamento foi realizado em dois momentos. No primeiro, a balsa que liga Penedo (AL) a Neópolis (SE) levou os alevinos para serem soltos em três trechos do rio no lado alagoano: em frente aos bairros Santo Antônio e Rocheira, no trecho próximo à prainha do São Francisco e em frente ao porto das balsas de Penedo.

Já em terra, ocorreu o segundo momento do peixamento com a soltura dos alevinos transportados em sacos próprios para o deslocamento de peixes vivos. A inserção dos peixes nas águas do rio São Francisco ocorreu no trecho em que fica situado o porto das balsas e contou com a participação de turistas que acompanhavam a festa, funcionários da Codevasf e representantes da prefeitura municipal de Penedo, a exemplo do secretário municipal de Cultura, Lucas Primo, do secretário de municipal de Comunicação, Rafael Medeiros, e do secretário municipal de Agricultura, Ricardo Góes.

O superintendente regional substituto, engenheiro civil Pedro Wiliam, foi representado no peixamento pelo chefe da Assessoria Regional de Comunicação e Promoção Institucional da Codevasf em Alagoas, engenheiro agrônomo Aníbal Lobo. “Em mais um ano, a Codevasf realiza esse já tradicional peixamento no Bom Jesus dos Navegantes de Penedo. Com os outros peixamentos que realizamos ao longo do ano em diversos pontos da bacia hidrográfica do rio São Francisco, como lagos marginais e afluentes, estamos trabalhando para repovoamento da região com espécies nativas sob as bênçãos do protetor dos ribeirinhos”, declarou Lobo.

Para realização do peixamento, a Codevasf contou com a parceria da Prefeitura Municipal de Penedo, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura. O trabalho envolveu também uma equipe multidisciplinar de técnicos da companhia que atuam no Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Itiúba (Ceraqua São Francisco), liderados pelo engenheiro de pesca Álvaro Albuquerque, que coordenou o peixamento.

Veja imagem ilustrativas no Flickr da Codevasf:

https://www.flickr.com/photos/codevasf/sets/72157633050320379

Conheça a nova plataforma de divulgação de notícias da Rádio Codevasf:

https://soundcloud.com/codevasf