Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2015 > Codevasf inicia elaboração de projetos para construção de 210 barreiros em Sergipe
conteúdo

Notícias

Codevasf inicia elaboração de projetos para construção de 210 barreiros em Sergipe

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) iniciou o trabalho de elaboração de projetos executivos para a construção de 210 barreiros na região semiárida de Sergipe. O serviço foi contratado em dezembro e é resultado de um investimento de R$ 1,3 milhão da Codevasf. Os barreiros, que têm o objetivo de acumular água para a dessedentação animal, beneficiarão 10 municípios.
publicado: 13/01/2015 16h22, última modificação: 20/06/2018 17h30

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) iniciou o trabalho de elaboração de projetos executivos para a construção de 210 barreiros na região semiárida de Sergipe. O serviço foi contratado em dezembro e é resultado de um investimento de R$ 1,3 milhão da Codevasf. Os barreiros, que têm o objetivo de acumular água para a dessedentação animal, beneficiarão 10 municípios.

O contrato prevê a elaboração dos projetos executivos e o fornecimento de documentos necessários às regularizações fundiária e ambiental. Os estudos vão apontar localidades para a implantação de 69 barreiros entre Canindé de São Francisco e Poço Redondo, 56 barreiros em Porto da Folha e Gararu, 58 barreiros na área de Monte Alegre de Sergipe e Nossa Senhora da Glória e, finalmente, 27 barreiros nos municípios de Propriá, Cedro de São João, Itabi e Aquidabã.

Deverão ser contemplados assentamentos e comunidades rurais com vocação para a pecuária, uma vez que os barreiros visam a ampliar a oferta de água para rebanhos das regiões atendidas. A estimativa inicial é de que 5.723 famílias sejam beneficiadas com a ação. Os recursos para a elaboração dos projetos executivos e para a futura implantação dos barreiros são oriundos do programa Água para Todos.

O superintendente regional da Codevasf, Said Schoucair, avalia que a implantação dos barreiros é uma ação estratégica para o enfrentamento de longas estiagens no semiárido. “Com os barreiros, será possível acumular água para que os animais não morram de sede durante o período de seca. É uma ação importante para a pecuária, que é uma das atividades mais importantes do sertão sergipano”, afirma o superintendente.

O programa Água para Todos já viabilizou a distribuição de 4.171 cisternas em Sergipe, beneficiando mais de 20 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social residentes em 20 municípios na bacia do rio São Francisco. A Codevasf atualmente está instalando novas cisternas e deve superar, em breve, a marca de 4.400 cisternas.

Veja fotografias no perfil da Codevasf no Flickr:
https://www.flickr.com/photos/codevasf/sets/72157650269425311/

Ouça as notícias da Rádio Codevasf:
https://soundcloud.com/codevasf