conteúdo

Maniçoba

por Antônio Luiz de Oliveira Correa da Silva publicado 31/07/2018 17h45, última modificação 21/07/2022 10h43

Localização: Município de Juazeiro - BA – Submédio São Francisco
Polo de Desenvolvimento: Petrolina/Juazeiro
Área irrigável total: 4.826 ha
Área irrigável ocupada: 4.826 ha (1.820 ha – lotes familiares; 3.006 ha – lotes empresariais)
Fonte hídrica: Rio São Francisco
Vazão outorgada vigente: 118.047.340 m3.ano-1
Investimentos até 2021: R$ 114.821.322,59
Dados da infraestrutura: 156 km de canais; 8 km de adutoras; 97 km de drenos, 223 km de estradas; 3 estações de bombeamento
Início de funcionamento: 1980
Início da cogestão: 1990

A construção do PPI Maniçoba compreendeu o período de 1975-1981. No início de sua ocupação e operação em 1980 o projeto apresentava uma área de 4.293 ha, ocupada por 234 lotes de pequenos irrigantes em uma área de 1.889 ha, e por 80 lotes empresariais em 2.379 ha. A água para a irrigação do projeto é distribuída por três estações de bombeamento. Dentre a infraestrutura social constam dois núcleos habitacionais e um centro técnico-administrativo (CODEVASF, 1999; CODEVASF, 2014c). Encontram-se ocupados atualmente uma área irrigável total de 4.847 ha, sendo 62% área empresarial.

Produção agrícola

Maniçoba_VBP.jpg

Figura 1: Evolução do Valor Bruto de Produção no projeto Maniçoba, entre os anos 2016 e 2021.
Fonte: Elaborado com dados da CODEVASF, 2022.

Maniçoba_culturas.jpg
Figura 2: Principais espécies cultivadas de acordo com o VBP no projeto Maniçoba, no ano de 2021.
Fonte: Elaborado com dados da CODEVASF, 2022.

 

Características da produção

Conforme observado na Figura 2, as culturas mais expressivas no projeto, de acordo com o VBP, são a manga a uva e a cana-de-açúcar. Em 2021 a área cultivada com essas culturas correspondeu a 63%, 5% e 21% da área total sob cultivo, respectivamente. Isso mostra o melhor rendimento da cultura da uva, que mesmo com apenas 5% da área cultivada, foi responsável por 18% do VBP total. Já a cultura da cana-de-açúcar que ocupou 21% da área cultivada total, contribuiu com 11% do VBP. A área cultivada em lotes familiares correspondeu a 49% do total da área cultivada no projeto e a sua contribuição para o VBP foi de foi de 50%. A cultura da manga em lotes familiares, sozinha, representou 40% do total do VBP. Em contrapartida, o montante resultante da comercialização de uva e da cana-de-açúcar foi, em quase sua totalidade, originado da área empresarial do projeto, e representou 28% do VBP total.

A Figura 1 mostra que o VBP ao longo dos últimos anos oscilou levemente, com tendência de aumento, sendo que os lotes familiares apresentaram resultados melhores nos quatro últimos anos, devido principalmente as culturas da manga e coco. 

Os principais sistemas de irrigação são a irrigação por superfície, aspersão, microaspersão e, em menor escala, gotejamento.

Potencialidades

Estima-se a geração de 8.241 empregos diretos e 12.361, empregos indiretos e 2.802 empregos induzidos. Ao todo foram 8.241 ha de área cultivada, 328.972 t. de produtos agrícolas e R$ 254.316.649,68 de VBP, em 2021.

Documentos:

Plano Operativo Anual (POA) 2021 - Maniçoba (arquivo PDF)