Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2021 > Codevasf realiza peixamento na Lagoa dos Tambaquis em Estância (SE)
conteúdo

Notícias

Codevasf realiza peixamento na Lagoa dos Tambaquis em Estância (SE)

publicado: 12/02/2021 15h17, última modificação: 12/02/2021 15h17

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) inseriu 50 mil alevinos de tambaqui no município de Estância, em Sergipe. A ação foi realizada na localidade conhecida como Lagoa dos Tambaquis e teve o objetivo de promover o controle biológico do caramujo hospedeiro da esquistossomose.

Codevasf realiza peixamento na Lagoa dos Tambaquis em Estância (SE).JPGA ação de repovoamento foi executada pelo Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Betume, unidade mantida pela Codevasf no município de Neópolis. Em menos de seis meses, essa é a segunda vez que a Codevasf executa a ação na Lagoa dos Tambaquis – o último peixamento realizado no local em setembro do ano passado.

O superintendente regional da Codevasf em Sergipe, César Mandarino, participou do peixamento e explicou a importância da iniciativa para a região. “Esse é um peixamento com um objetivo diferente do que fazemos normalmente, pois tem um objetivo mais voltado em contribuir com a saúde pública. Temos feito essa parceria com o município de Estância para ajudar a manter a lagoa livre da esquistossomose”, afirmou.

O uso do tambaqui para o controle biológico do caramujo hospedeiro da esquistossomose é um método de baixo impacto ambiental, que ajuda a prevenir a população contra a doença. A iniciativa não somente proporciona melhores condições de saúde aos usuários da lagoa como também valoriza um importante ponto turístico do litoral sul do estado.

Além do superintendente regional da Codevasf em Sergipe, participaram da ação o prefeito de Estância, Gilson Andrade, o vice-prefeito do município, André Graça, secretários municipais, funcionários da Codevasf e usuários da lagoa.