Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2020 > Ministro do Desenvolvimento Regional e presidente da Codevasf entregam obras de abastecimento de água no sertão de Alagoas
conteúdo

Notícias

Ministro do Desenvolvimento Regional e presidente da Codevasf entregam obras de abastecimento de água no sertão de Alagoas

publicado: 14/07/2020 15h33, última modificação: 14/07/2020 15h33

Famílias que vivem em comunidades rurais difusas ao longo do Canal do Sertão Alagoano já contam com acesso à água tratada para consumo humano nas torneiras por meio de adutoras implantadas pelo Governo Federal, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Na segunda-feira (13), o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, e o diretor-presidente da Codevasf, Marcelo Moreira, estiveram na comunidade Lagoa da Pedra, na zona rural do município de Água Branca (AL), semiárido alagoano, para entregar os primeiros sistemas de adutoras, que captam água do Canal do Sertão, tratam e distribuem numa rede que pode chegar a até 123 quilômetros de extensão. Para isso, estão sendo investidos cerca de R$ 19,3 milhões em recursos de emenda parlamentar ao Orçamento Geral da União (OGU).

Ministro do Desenvolvimento Regional e presidente da Codevasf entregam obras de abastecimento de água no sertão de Alagoas.jpg“A questão da segurança hídrica é uma prioridade do nosso governo, sobretudo no Nordeste do país, que historicamente enfrenta uma realidade de muita escassez de água. Os investimentos permitem que a população tenha mais qualidade de vida e também possibilitam oportunidades para o desenvolvimento da região. Essa é uma diretriz expressa pelo presidente Jair Bolsonaro e não faltarão recursos para isso”, destacou o ministro Rogério Marinho durante a agenda de compromissos em Alagoas.

Em seu pronunciamento, o diretor-presidente da Codevasf também reafirmou a prioridade do Governo Federal em promover o acesso à água à população da região Nordeste por meio de obras de infraestrutura hídrica. “É importante reconhecer que a agenda de segurança hídrica é uma prioridade para o Ministério do Desenvolvimento Regional e não faltarão recursos para continuidade dos investimentos e conclusão de importantes obras como essa que estamos entregando hoje. O Governo Federal continuará a cumprir sua missão, promovendo o desenvolvimento e gerando oportunidades para aqueles brasileiros que mais precisam”, disse Marcelo Moreira.

O superintendente regional da Codevasf em Alagoas, Ricardo Lisboa, também apontou o esforço de investimentos do Governo Federal e de parlamentares, por meio de emendas ao OGU, para levar água tratada a comunidades urbanas e rurais do Nordeste. “O Governo Federal e parlamentares têm feito um esforço conjunto para mobilizar recursos do Orçamento da União para investir em abastecimento que trate e leve água até a porta das famílias nordestinas, especialmente no semiárido, onde a água promove a vida e fortalece ainda mais a economia local. Creio que estamos no caminho certo do desenvolvimento”, afirmou.

A solenidade contou ainda com a presença do diretor de Gestão dos Empreendimentos de Irrigação da Codevasf, Napoleão Casado, de prefeitos, secretários municipais e vereadores dos municípios beneficiados, parlamentares federais, gestores e técnicos da Codevasf e de famílias das comunidades atendidas pelos sistemas de adutoras implantados pela Companhia.

Adutoras ao longo do Canal do Sertão Alagoano

O sistema de abastecimento de água entregue pelo ministro e pelo diretor-presidente da Codevasf atende cerca de 1,4 mil pessoas que moram nas comunidades rurais difusas Lagoa das Pedras, Sítio CAU e Moreira de Baixo, todas inteiramente localizadas em Água Branca. As adutoras possuem vazão de 68,5 m³/h e contam com um sistema com capacidade de tratamento de 5,0 l/s. A rede de captação, que possui fonte hídrica no Canal do Sertão Alagoano, possui 5.280 metros de extensão. Já a rede de distribuição que atenderá os três povoados tem extensão de 23.995 metros e capacidade de reservação de água de 220 m³.

Ministro do Desenvolvimento Regional e presidente da Codevasf entregam obras de abastecimento de água no sertão de Alagoas 2.jpgNa mesma solenidade no sertão de Alagoas, as autoridades federais oficializaram a transferência de gestão de um subsistema de adutoras que será gerido pelas próprias comunidades rurais de Delmiro Gouveia (AL) e de Água Branca. Esse subsistema já leva água tratada para cerca de 1,3 mil pessoas nas comunidades rurais difusas de Bom Jesus, em Água Branca, Maria Bonita, Jurema, Araçá, Lagoa dos Patos, Olho d’Águinha e Pedrão, em Delmiro Gouveia. A estrutura conta com vazão de 93,75 m³/h, um sistema de tratamento de água com capacidade de 5,0 l/s, rede de captação com 3.456 metros de extensão, rede de distribuição com 32.115 metros de extensão e capacidade de reservação de 280 m³.

Ao todo, o Governo Federal, por meio da Codevasf, está implantando quatro subsistemas de adutoras em comunidades rurais ao longo do Canal do Sertão Alagoano a partir de investimentos de cerca de R$ 19,3 milhões em recursos de emenda parlamentar ao Orçamento Geral da União (OGU). Somente nos dois subsistemas de Água Branca e Delmiro Gouveia, já foram investidos cerca de R$ 10,8 milhões.

Além da entrega das adutoras em Água Branca, o ministro e o diretor-presidente da Codevasf tiveram compromissos oficiais em outros municípios alagoanos como Santana do Ipanema, onde vistoriaram as obras para implantação do Canal do Sertão Alagoano, São José da Tapera e Campo Alegre.

* Com informações do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR)