Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2020 > Cooperação técnica entre Codevasf e Tribunal de Contas do DF permite gestão de processos por meio remoto
conteúdo

Notícias

Cooperação técnica entre Codevasf e Tribunal de Contas do DF permite gestão de processos por meio remoto

publicado: 24/08/2020 12h43, última modificação: 24/08/2020 12h43

Um termo de cooperação técnica assinado entre a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) e o Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) permitirá que a Companhia utilize o sistema de processo eletrônico e-TCDF, usado na corte de contas para controle sobre a movimentação processual e de documentos. A utilização do sistema trará maior transparência na gestão processual, ao mesmo tempo em que reduzirá o consumo de papel e representa uma salto tecnológico na modernização da administração pública federal e na cultura organizacional da empresa por meio da gestão remota de processos administrativos.

Acordo Codevasf e e-TCDFSegundo o gerente de Tecnologia da Informação da Área de Gestão Estratégica da Codevasf, Vinícius Coutinho, a cooperação técnica entre a Companhia e o TCDF prevê o compartilhamento de soluções em Tecnologia da Informação (TI) com a implantação do e-TCDF para a gestão de processos administrativos e de documentos na empresa em substituição ao atual Sistema de Rastreamento de Documento (SRD).

“O e-TCDF possui uma integração com o barramento do Sistema Eletrônico de Informações (SEI), uma infraestrutura pública de processos e documentos administrativos eletrônico. Isso permitirá que a Codevasf envie documento para outros órgãos da administração pública federal que utilizem o SEI. Além disso, a utilização do sistema facilitará o trabalho remoto do corpo técnico da Companhia”, explicou o gerente de TI da Companhia.

Ele ainda destacou uma série de benefícios a partir da implantação do e-TCDF tanto para a administração pública, quanto para o cidadão ou empresa que possua processo administrativo tramitando na Codevasf. Entre os benefícios estão a possibilidade de criar os documentos digitalmente, gerenciar processos administrativos da Companhia de forma remota, a agilidade na tramitação, a ampliação do acesso das partes interessadas, a possibilidade de envio de informações por meio eletrônico, a melhoria na comunicação dos atos processuais e a facilidade na recuperação de dados.

Um grupo de trabalho formado por empregados da Companhia já elaborou um calendário de implantação do sistema de processo eletrônico do TCDF na Codevasf. A previsão é que o e-TCDF comece a ser utilizado na empresa no início de 2021.

Liderando as tratativas para compartilhamento de soluções em TI junto ao TCDF para modernização dos trâmites processuais, o presidente da Codevasf, Marcelo Moreira, apontou a implantação do e-TCDF como um salto tecnológico da Companhia rumo ao avanço da transparência, da modernização da administração pública federal e o surgimento de uma nova cultura organizacional no Serviço Público Federal.

“A determinação da Presidência da República e do Ministério do Desenvolvimento Regional, ao qual somos vinculados, é que façamos avançar esse processo a favor do serviço público e dos cidadãos e a Codevasf cumpre com empenho esse papel, adequando sua cultura organizacional às novas tecnologias da comunicação e da informação”, defendeu Moreira.

No tribunal de contas, o e-TCDF é utilizado para apoiar o controle e acompanhamento das sessões plenárias, auxiliar o sorteio e distribuição de processos a relatores e procuradores, para atestar a veracidade das informações por assinatura digital e/ou login e senha (usuários internos), e ainda para tratar da publicidade dos documentos para posterior disponibilização na internet.