Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Projeto Jequitaí garantirá abastecimento de água em municípios mineiros
conteúdo

Notícias

Projeto Jequitaí garantirá abastecimento de água em municípios mineiros

Nesta quinta-feira (12), o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, acompanhado pelo presidente em exercício da Codevasf, Clementino Coelho, esteve reunido com o governador de Minas Gerais, Antônio Augusto Anastasia, para assinar um memorando de entendimento visando à implantação do Projeto Jequitaí no estado.
publicado: 12/05/2011 18h07, última modificação: 20/06/2018 17h10

Nesta quinta-feira (12), o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, acompanhado pelo presidente em exercício da Codevasf, Clementino Coelho, esteve reunido com o governador de Minas Gerais, Antônio Augusto Anastasia, para assinar um memorando de entendimento visando à implantação do Projeto Jequitaí no estado.

O objetivo central do empreendimento é irrigar, por meio de um sistema de barragens de uso múltiplo, o Vale do Jequitaí, localizado entre a Serra do Espinhaço e a Serra da Onça, no Norte de Minas. O investimento total será de R$ 304 milhões, para ser aplicado até 2014. O recurso é oriundo da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

A obra, que é reivindicada pela região há 50 anos, vai garantir o abastecimento de água para a população, além de ajudar na contenção de cheias durante os períodos chuvosos. Com a construção, serão irrigados cerca de 30 mil hectares, beneficiando, principalmente, a lavoura de frutas. O sistema de barragens vai contribuir ainda para regularizar a vazão do rio Jequitaí, afluente do São Francisco. Como parte do projeto, também será formado um reservatório de água, com capacidade para gerar 20MW de energia.

Durante a solenidade, o ministro ressaltou que, entre 45 e 60 dias, será lançado o edital para a construção da barragem Jequitaí I. A obra será executada pela Codevasf e está orçada em R$ 200 milhões. “Em parceria com o governo de Minas, o governo federal dá início a um importante empreendimento no setor de água, não só para abastecimento humano e geração de energia, mas, sobretudo, para a irrigação do Vale do Jequitaí, permitindo a geração de emprego e renda”, ressaltou.

Saiba mais sobre o Projeto

A influência direta do Projeto Jequitaí se dará numa área que engloba 12 municípios mineiros, com uma total de 587 mil habitantes. São eles: Jequitaí, Engenheiro Navarro, Claro dos Poções, Francisco Dumont, Lagoa dos Patos, Várzea da Palma, Pirapora, Buritizeiro, Coração de Jesus, Joaquim Felício, Bocaiúva e Montes Claros.

Estão envolvidos nesse convênio para implantação do empreendimento o MI, por meio da Codevasf; o Governo de Minas Gerais, por intermédio da Fundação Rural Mineira (Ruralminas), Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Minas Gerais (SEAPA), Secretaria de Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha, Mucuri e Norte de Minas (SEDVAN); e a International Finance Corporation (IFC).

Com informações do Governo do Estado de Minas Gerais