Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Parque Zôo-Botânico
conteúdo

Notícias

Parque Zôo-Botânico

O primeiro parque Zôo-Botânico do Comando Militar do Nordeste foi inaugurado em Petrolina, no âmbito do Programa Revitalização da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco, com recursos repassados pela Codevasf
publicado: 29/01/2007 14h29, última modificação: 20/06/2018 17h06

O primeiro parque Zôo-Botânico do Comando Militar do Nordeste (CMNE) foi inaugurado em Petrolina (PE), no 72º Batalhão de Infantaria Motorizado. A instalação do parque recebeu recursos do Programa Revitalização da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco, envolvendo investimentos no valor de R$ 150 mil repassados pela Codevasf para construção de cativeiros que vão abrigar e ajudar a preservar espécies silvestres do bioma Caatinga.

O projeto para construção do parque Zôo-Botânico foi apresentado no Núcleo de Articulação de Pernambuco (NAP) e posteriormente aprovado. A Codevasf viabilizou a sua execução através da transferência de recursos para o Exército.  Segundo o superintende regional da Codevasf em Petrolina, Reginaldo Paes, "é uma obra muito importante por ter uma rica representação da biodiversidade da caatinga, tanto de espécies florestais, vegetais, como também da fauna".

Reginaldo Paes destaca, ainda, que essa ação vai mostrar para a sociedade em geral, principalmente para os turistas e estudantes, a importância da caatinga, por meio da educação ambiental. "Esse bioma é tido como pobre em biodiversidade, mas ao contrário disso é um bioma endêmico, não existe em nenhum outro lugar do planeta, só no Brasil", finalizou Paes.

O Coronel Heitor Bezerra Leite ressaltou que a parceria da Codevasf muito contribuirá com toda a sociedade. A instalação do parque, segundo ele, possibilitará a instrução militar conhecer diretamente os animais e vegetais. "Vai desenvolver a educação ambiental junto com o público em geral, uma vez que esse ponto foi incluído no roteiro turístico da Ride na nossa região", disse o Cel. Leite.

A preocupação com a preservação do bioma caatinga está contemplada dentro do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco. O parque Zôo-Botânico está instalado em uma reserva que tem 5 Km de extensão de caatinga fechada, contando com 21 cativeiros e será aberto à visitação de estudantes de segunda-feira a sexta-feira. Nos finais de semana será aberto ao público em geral.