Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Oficina de Desenvolvimento Territorial
conteúdo

Notícias

Oficina de Desenvolvimento Territorial

Codevasf realizou Oficina de Desenvolvimento Territorial. O objetivo foi esboçar critérios e estratégias metodológicas para desenvolver as ações da Companhia no apoio às aglomerações produtivas e Arranjos Produtivos Locais
publicado: 26/10/2007 17h52, última modificação: 20/06/2018 17h08

A Codevasf realizou, nos dias 24 e 25, a Oficina de Desenvolvimento Territorial e Apoio às Ações Produtivas. O objetivo foi esboçar critérios e estratégias metodológicas para desenvolver as ações da Companhia no apoio às aglomerações produtivas e Arranjos Produtivos Locais (APLs). O evento é uma continuidade do Seminário Desenvolvimento Territorial promovido pela Companhia no último dia 23, em Brasília.

A oficina foi direcionada ao público interno da empresa e convidados de outros órgãos parceiros. Ao todo foram 36 técnicos, sendo 21 das Superintendências Regionais da Companhia, além das áreas de Gestão Estratégica, Assessoria de Comunicação e Ministério da Integração Nacional.

A condução e a moderação dos trabalhos ficaram a cargo de Tânia Zapata e Ricardo de Cerqueira, do Instituto de Assessoria para o Desenvolvimento Humano (IADH). As informações repassadas permitiram a troca de experiências e o nivelamento de informações entre os participantes, que trabalham nas ações de apoio a estruturação de aglomerações produtivas e APLs.

Com a realização da oficina, espera-se que sejam identificados instrumentos para alcançar os objetivos e metas de desenvolvimento produtivo de APLs, bem como sejam esboçadas estratégias que estimulem a competitividade e sustentabilidade no desenvolvimento e apoio às ações produtivas. O evento vai permitir, também, a proposição de critérios de apoio aos arranjos e aglomerações produtivas, além de obter contribuições, sugestões e críticas dos participantes na implementação das ações de apoio às atividades produtivas, como instrumentos de política de desenvolvimento territorial nas bacias do São Francisco e do Parnaíba.

Segundo o chefe da Unidade de Arranjos Produtivos, Antonio Luiz Corrêa da Silva, a oficina irá contribuir na melhoria do trabalho dos técnicos que atuam junto aos APLs. "Além da salutar integração, a oficina terá um impacto positivo na atuação dos participantes, que agora contam com um nível de informação que os auxiliará em diversos aspectos, principalmente, na análise e seleção de projetos, articulação entre instituições para atuação em parceria nos territórios e  mobilização de comunidades", explica.

A organização da Oficina esteve a cargo da Gerência de Desenvolvimento Territorial da Área de Revitalização, tendo sido realizada no Centro de Desenvolvimento de Recursos Humanos da CONAB, em Brasília.