Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > MI/Codevasf presentes na 22ª Fenagri, em Juazeiro (BA)
conteúdo

Notícias

MI/Codevasf presentes na 22ª Fenagri, em Juazeiro (BA)

Começa nesta quarta-feira (27), em Juazeiro (BA), a 22ª Feira Nacional de Agricultura Irrigada - Fenagri 2011, sob o slogan "Novos Tempos do Agronegócio". O evento, que vai até o próximo sábado (30), é considerado um dos principais acontecimentos da América Latina no segmento do agronegócio. O Ministério da Integração Nacional (MI)/Codevasf participam com um estande onde serão divulgados programas e ações desenvolvidos na região.
publicado: 26/07/2011 11h28, última modificação: 20/06/2018 17h11

Começa nesta quarta-feira (27), em Juazeiro (BA), a 22ª Feira Nacional de Agricultura Irrigada - Fenagri 2011, sob o slogan "Novos Tempos do Agronegócio". O evento, que vai até o próximo sábado (30), é considerado um dos principais acontecimentos da América Latina no segmento do agronegócio. O Ministério da Integração Nacional (MI)/Codevasf participam com um estande onde serão divulgados programas e ações desenvolvidos na região. A Feira acontece nos campus da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf/Juazeiro) e da Universidade do Estado da Bahia (Uneb/Juazeiro), contando com uma extensa programação que inclui minicursos, palestra, seminários, rodadas de negócios, além de exposição. Outras informações e a programação completa podem ser obtidas pelo site: www.fenagri2011.com ou telefone (74) 3061-4210.

Além de exposição em estande, o MI/Codevasf participam da programação em palestras e seminários durante os quatro dias do evento. No seminário “Agroindustrialização na Bahia e no Vale do São Francisco”, no dia 28, na Univasf, a Codevasf irá apresentar o tema “Perímetro Irrigado do Salitre”, às 10h, tendo como palestrante João Santana Tosta, e às 11h, a empresa participa da apresentação do tema “Centro Agroalimentar de Juazeiro”, com Altivo Almeida Cunha (Codevasf/PMJ).

Nos dias 28 e 29, o MI/Codevasf promovem ciclo de debates sobre temas de interesse da região. No primeiro dia (28), o tema abordado será “Integração Agrícola – empresa âncora e cooperativa”, a partir das 19h, com Luciano Thomé Castro (FGV/SP) e Marcelo Barroso (consultor); na sequência, às 20h30, será apresentada “Hidrovia do São Francisco – O caminho da integração”, com Joaquim Carlos Teixeira Riva (Funderpa) e Ana Bárbara Teixeira (Codevasf). No segundo dia (29), a partir das 19h, o tema será “Diversificação de culturas”, com Paulo Roberto Coelho Lopes e Orlando Passos (Embrapa). As palestras acontecem no estande do MI/Codevasf, contando com a presença do presidente em exercício da Codevasf, Clementino de Souza Coelho, e do diretor interino da área de Revitalização de Bacias Hidrográficas, Guilherme Almeida.


CITRICULTURA EM DEBATE

Como parte da programação da Fenagri, o MI/Codevasf e a Embrapa Semiárido promovem o seminário “Desenvolvimento Sustentável da Citricultura no Vale do São Francisco”, nos dias 29 e 30, no auditório da Univasf/Juazeiro. O evento contará também com a presença do presidente em exercício da Codevasf, Clementino de Souza Coelho, e do diretor interino da área de Revitalização de Bacias Hidrográficas, Guilherme Almeida, dentre outras autoridades e lideranças empresariais.

O objetivo do seminário é discutir o desenvolvimento da citricultura sustentável no vale do São Francisco com abordagem de temas relacionados às variedades copa e porta-enxerto, manejo do solo, clima, pragas e doenças, pós-colheita, mercado e comercialização, bem como as tecnologias utilizadas para a sua produção, oferecendo novas alternativas para região.

As palestras terão início às 8h30 com o tema “A Citricultura do Nordeste brasileiro com ênfase no Semiárido”, a cargo de Orlando Sampaio Passos (Embrapa Mandioca e Fruticultura). Na sequência, às 9h10, Helton Carlos Leão (Citrosuco – Grupo Fisher) fala sobre “Qualidade de frutos do Nordeste”. Às 10h10, o assunto será “Pesquisa e desenvolvimento com citros no vale do São Francisco”, com Paulo Roberto Lopes (Embrapa Semiárido), e, às 10h50, Walter dos Santos Filho, aborda “Melhoramento genético de citros adaptados ao semiárido”.

Na parte da tarde, às 14h, Felipe Macedo (Stoller) apresenta “Estratégias para maior eficiência da produção de citros com sustentabilidade”. Em seguida, às 14h40, José Eduardo Carvalho (Embrapa Mandioca e Fruticultura) fala sobre “Manejo de solo e adubos verdes em citros”. Às 15h20, será a vez de Hermes Peixoto Filho (Embrapa Mandioca e Fruticultura) explanar a respeito do “Manejo integrado de pragas e doenças”. As últimas palestras do dia serão “Área de proteção fitossanitária do vale do São Francisco”, com Jair Virgínio (Moscamed), às 16h10, e “Extensão de qualidade de frutas em Rotterdam e resíduos de agrotóxicos”, com Adélia Pessoa Araújo (Instituto de Tecnologia de Pernambuco), às 16h50.

A programação do seminário para o dia 30 será um Dia de Campo sobre citricultura no vale do São Francisco, com visita ao campo experimental de Mandacaru, Embrapa Semiárido, no horário das 8h às 12h.

Os interessados em participar do seminário devem se inscrever no site www.fenagri2011.com ou na Associação Comercial Industrial e Agrícola de Juazeiro. As vagas são limitadas. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (74) 3061-4210.