Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Juazeiro e Curaçá, na Bahia, são beneficiados com sistemas de abastecimento de água
conteúdo

Notícias

Juazeiro e Curaçá, na Bahia, são beneficiados com sistemas de abastecimento de água

Com investimentos da ordem de R$ 21,2 milhões, foram inaugurados, nesta sexta-feira (22), Sistemas de Abastecimento de Água (SAAs) em Juazeiro e Curaçá, na Bahia. As obras integram a estratégia do governo federal para o enfrentamento da seca na região. Com os sistemas em funcionamento, cerca de 15,4 mil habitantes de 83 localidades nos dois municípios serão beneficiados. Os recursos são oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), no âmbito do programa Água para Todos, do governo federal, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional e executado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em sua área de atuação.
publicado: 22/03/2013 16h36, última modificação: 20/06/2018 17h16

Com investimentos da ordem de R$ 21,2 milhões, foram inaugurados, nesta sexta-feira (22), Sistemas de Abastecimento de Água (SAAs) em Juazeiro e Curaçá, na Bahia. As obras integram a estratégia do governo federal para o enfrentamento da seca na região. Com os sistemas em funcionamento, cerca de 15,4 mil habitantes de 83 localidades nos dois municípios serão beneficiados. Os recursos são oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), no âmbito do programa Água para Todos, do governo federal, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional e executado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em sua área de atuação.

As solenidades contaram com as presenças do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, do governador da Bahia, Jaques Wagner, e do presidente da Codevasf, Elmo Vaz, além de outras autoridades e populares. Em Juazeiro, também foi inaugurado o sistema de tratamento de resíduos sólidos urbanos, no âmbito do Programa de Revitalização das Bacias Hidrográficas do São Francisco e do Parnaíba.

Em Curaçá, foram aplicados R$ 13,4 milhões na instalação de 20 Sistemas de Abastecimento de Água, que beneficiarão cerca de 5,8 mil pessoas de 53 localidades. Em Juazeiro, nesta etapa, o investimento foi de R$ 7,8 milhões. Cerca de 9,6 mil pessoas, de 30 localidades, serão atendidas. Outros cinco sistemas estão em fase de conclusão no município, contemplando 20 comunidades e atendendo cerca de 7,4 mil habitantes. Nessas obras, os recursos aplicados totalizam R$ 9 milhões.

O ministro Fernando Bezerra Coelho destacou os investimentos federais para oferta de água na região. “O governo da presidenta Dilma Rousseff tem investido mais de R$ 25 bilhões em obras estruturantes na área de oferta de água. Hoje, estamos aqui para celebrar essas intervenções na região do Salitre, com ações do Água para Todos. O grande compromisso do programa é que todas as comunidades próximas ao rio São Francisco possam ser beneficiadas com pequenas adutoras. Só para se ter uma ideia, estamos implantando seis mil sistemas de abastecimento de água simplificados”, explicou.

Em seu pronunciamento, o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, também ressaltou os investimentos que a empresa tem feito para levar água a diversas comunidades rurais do estado. “Em parceria com o Governo do Estado, a Codevasf já está concluindo e colocando água em quase duzentas localidades, com investimentos da ordem de R$ 100 milhões. Estamos também trabalhando para lançar novas licitações de sistemas de abastecimento de água, que irão beneficiar cerca de 460 localidades, envolvendo recursos da ordem de R$ 220 milhões”, enfatizou.

Obra estruturante

O governador Jaques Wagner destacou que essas ações fazem parte do esforço para minimizar os efeito da seca e garantir água de qualidade às populações afetadas por longas estiagens. “Essa já é a seca mais dura dos últimos 60 anos no Nordeste. Torcemos para que ela acabe, mas não podemos ficar parados. Essa obra, por exemplo, é estruturante e vai garantir para sempre a solução do problema de abastecimento humano para essa população”.

Ele também destacou que uma série de outras ações vem ajudando a população que vive no semiárido a conviver com a seca. “Já fizemos adutoras e estamos fazendo mais. Colocamos carros pipa para levar água, distribuímos ração para animais e cesta básica para as famílias, ampliamos o prazo do garantia safra, prorrogamos o prazo de financiamento para agricultores; enfim, uma série de ações que não param, buscando reduzir o sofrimento dessa gente”.

Levando água a quem tem sede

Em 2012, a Codevasf concluiu, na Bahia, a implantação de Sistemas de Abastecimento de Água em Abaré, Curaçá, Glória, Juazeiro e Serra do Ramalho, envolvendo recursos da ordem de R$ 54,7 milhões. Os moradores das localidades atendidas comemoram. É o caso de Deni da Cruz Macedo, moradora do Salitre. “Essa água melhorou muito a minha vida. Antes eu tinha que vir de longe com uma lata na cabeça. Graças a Deus, minha vida melhorou”, afirma.

A Codevasf também está concluindo obras na área de abastecimento de água em outros municípios baianos, como em Sento Sé, Sítio do Mato e Malhada. A execução das obras desses Sistemas de Abastecimento de Água envolve investimentos de R$ 51,7 milhões e beneficiará cerca de 38,3 mil pessoas em 104 localidades.

O SAA é composto de captação flutuante no rio São Francisco, adutora de água bruta até o local da Estação de Tratamento de Água (ETA), que pode ser do tipo compacta ou do tipo convencional, adutora de água tratada, reservatório de acumulação e rede de distribuição. Depois de concluída a obra, a Codevasf repassa o Sistema de Abastecimento de Água para a Prefeitura Municipal por meio de Termo de Transferência.

Tratamento de resíduos sólidos

A obra para remediação ambiental do lixão de Juazeiro também foi inaugurada nesta sexta-feira (22). Com investimentos da ordem de R$ 3,1 milhões, a obra beneficiará uma população de 230 mil pessoas. A ação integra o Programa de Revitalização das Bacias Hidrográficas, do governo federal, executado pela Codevasf em sua área de atuação.

Além de remediar o lixão existente no município, a obra também permite a disposição adequada dos resíduos por meio de um aterro controlado com área de vazadouro de cerca de 40 hectares e capacidade de 156,12 t/dia. Foram construídas duas células: uma para fase de remediação e outra para requalificação do lixo. A operação do aterro controlado está a cargo da Prefeitura Municipal de Juazeiro.

Na oportunidade, o ministro Fernando Bezerra Coelho, o governador Jaques Wagner, o presidente da Codevasf, Elmo Vaz, e os prefeitos Isaac Carvalho, de Juazeiro, e Luiz Vicente, de Sobradinho, assinaram a autorização para o lançamento de editais de licitação, no valor de R$ 10,1 milhões, para a implantação, pela Codevasf, do aterro sanitário do consórcio Sobradinho-Juazeiro. Os recursos são do PAC.

Ainda durante a solenidade em Juazeiro, também foram assinados os Termos de Autorização para lançamento de editais de licitação referentes à elaboração do projeto de construção de 20 km de adutora de água tratada de Junco até Curral, em Juazeiro; e à construção de 20 km de estradas, em dois trechos, o primeiro ligando a EB-100 à BA-210 e o segundo ligando a EB-100 ao povoado de Capim Raiz, no Município do Juazeiro/BA, no valor de R$ 8 milhões.

Obras entregues em Glória (BA)

As inaugurações de obras em Juazeiro e Curaçá fazem parte de uma agenda que inclui também a entrega dos Sistemas de Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário para a população de Glória (BA), envolvendo um total de recursos da ordem de R$ 15 milhões, oriundos do PAC. As solenidades ocorrem neste sábado (23).

Na execução das obras de abastecimento de água em Glória foram investidos R$ 7,8 milhões na implantação de dois sistemas que atenderão 5,7 mil habitantes de 12 localidades. Já nas obras do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) do município, que irá beneficiar cerca de 4,3 mil pessoas, foram aplicados R$ 8 milhões, no âmbito do Programa de Revitalização das Bacias Hidrográficas do São Francisco e do Parnaíba. Com a conclusão da obra, a Codevasf repassa os sistemas para a Prefeitura Municipal colocar em operação por meio de Termo de Transferência.

Além de Glória, a Codevasf concluiu, em 2012, obras de implantação de SES nas cidades baianas de Abaré, Gentio do Ouro, Morro do Chapéu e Caturama, envolvendo um total de recursos da ordem de R$ 27 milhões, atendendo mais de 33 mil pessoas.

A implantação de Sistemas de Esgotamento Sanitário tem sido uma das ações prioritárias da Codevasf em municípios com até 50 mil habitantes situados nas bacias do rio São Francisco e do Parnaíba. Até 2014, os investimentos da empresa nessa área terão sido de R$ 2,1 bilhões. O esgotamento sanitário traz uma série de benefícios como a melhoria das condições sanitárias locais, a conservação dos recursos naturais e a eliminação de focos de poluição. Para Glória, mais R$ 2 milhões estão assegurados para complementação do sistema, pela Codevasf, o que garantirá a universalização do serviço no município.

Foto: Manu Dias/SecomBA