Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Convênio SESI/IEL
conteúdo

Notícias

Convênio SESI/IEL

A Codevasf assinou nesta terça-feira, 27, um convênio com o Serviço Social da Indústria do Estado de Minas Gerais (SESI) e a participação do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) para a implantação de um centro integrado do SESI/SENAI
publicado: 27/03/2007 16h28, última modificação: 20/06/2018 17h07

A Codevasf assinou nesta terça-feira, 27, um convênio com o Serviço Social da Indústria do Estado de Minas Gerais (SESI) e a participação do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) para a implantação de um centro integrado do SESI/SENAI no município de Jaíba, no Norte de Minas. O projeto é uma parceria entre Codevasf, Ministério da Integração Nacional, SESI, IEL, SENAI e Fundação Rural Mineira (RURALMINAS). Além da construção da unidade, os recursos de mais de R$ 2,7 milhões serão utilizados para a aquisição de equipamentos, atividades de mobilização, articulação com a comunidade e realização de cursos de capacitação.

De acordo com o presidente da Codevasf, Luiz Carlos Everton de Farias, o potencial do projeto é muito grande, já que está em sintonia com o trabalho que vem sendo realizado pela Companhia. “A empresa existe para integrar os pequenos produtores e incentivar o agronegócio integrado”, afirma Farias. Com as oficinas e cursos de capacitação previstos para o centro do SESI/SENAI, os profissionais receberão treinamento específico para atuar dentro dos projetos já existentes em toda a sub região prioritária da serra geral do Norte de Minas.

As atividades previstas para a unidade de Jaíba vão desde cursos de capacitação para obtenção de crédito agrícola, passando por oficinas de elétrica predial e eletromecânica, até aprendizados para o processamento de alimentos. “A parceria irá contribuir para o desenvolvimento de uma região ainda pouco industrializada”, diz a superintendente regional do IEL, Heloísa Menezes, que acompanhada do superintendente do SESI em Minas Gerais, Raul von Sperling, esteve na sede da Codevasf em Brasília para assinar o convênio.

A área de revitalização das bacias hidrográficas, representada pela gerente de desenvolvimento territorial, Kênia Marcelino, articulou a formalização do projeto, que terá o seu acompanhamento e fiscalização sob a  responsabilidade da Superintendência Regional da Codevasf em Montes Claros. “A implantação do centro proporcionará um programa intenso de qualificação técnico-profissional, a geração de empregos e empreendimentos produtivos, além da inclusão social e elevação na qualidade de vida do trabalhador”, afirma a gerente.

Projeto Jaíba

Idealizado para se transformar em um importante vetor de desenvolvimento econômico social, o Projeto Jaíba gera 670 mil toneladas de alimento por ano e 67 mil empregos diretos. De acordo com dados da Codevasf, o projeto atingiu somente 10% de suas metas. A necessidade da implantação de um centro integrado SESI/SENAI foi identificada pela Codevasf  e pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Minas Gerais. Um levantamento mostrou que a demanda por mão-de-obra qualificada é muito grande na região. O estudo indica que o mercado de trabalho necessita de profissionais capacitados em novas técnicas de manejo, coleta e armazenagem de produtos. Por se tratar de uma região voltada para a agricultura irrigada, mais especificamente a fruticultura, o foco do desenvolvimento será a cadeia produtiva e o desenvolvimento de projetos coletivos, com o conseqüente desdobramento para o complexo agroindustrial.