Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Comissões Comunitárias fortalecem relação entre Codevasf e comunidades no Programa Água para Todos
conteúdo

Notícias

Comissões Comunitárias fortalecem relação entre Codevasf e comunidades no Programa Água para Todos

Os moradores dos povoados Lagoa do Exu, Craíbas Dantas, Cascavel e Lagoa Dantas em Estrela de Alagoas contam agora com comissões comunitárias para acompanhamento das ações do Programa Água para Todos no município. Na quinta-feira, 24 de maio, foram eleitos dois representantes de cada povoado para compor as quatro Comissões Comunitárias, formadas por dois representantes cada uma.
publicado: 28/05/2012 16h33, última modificação: 20/06/2018 17h13

Os moradores dos povoados Lagoa do Exu, Craíbas Dantas, Cascavel e Lagoa Dantas em Estrela de Alagoas contam agora com comissões comunitárias para acompanhamento das ações do Programa Água para Todos no município. Na quinta-feira, 24 de maio, foram eleitos dois representantes de cada povoado para compor as quatro Comissões Comunitárias, formadas por dois representantes cada uma.

O município de Estrela de Alagoas, no semiárido alagoano, foi o primeiro no estado a receber a implantação de cisternas para consumo humano dentro das ações de universalização do acesso à água no Programa Água para Todos executado pela Codevasf. O segundo município contemplado pelo programa é Craíbas. Nesta primeira fase do programa, a meta da Companhia é implantar 7.429 cisternas de polietileno em comunidades rurais difusas de sete municípios alagoanos: Estrela de Alagoas, Craíbas, Delmiro Gouveia, Traipu, Belo Monte, Arapiraca e Piranhas.

A estudante Ana Paula Correia será uma das representantes de Lagoa do Exu na Comissão Comunitária do povoado. Filha de agricultores, ela cresceu na localidade e vivenciou as dificuldades de acesso à água no semiárido alagoano. Na comissão, ela pretende envolver sua comunidade no acompanhamento das ações de universalização do acesso à água do Programa Água para Todos.

“Uma das propostas que quero levar à frente é envolver as escolas de Lagoa do Exu no programa. Professores e estudantes conhecem as dificuldades para se ter água em casa. Vamos conscientizá-los de seu papel junto ao Água para Todos e o que podemos fazer para apoiar a Codevasf nessa ação, na qual tenho certeza que irá melhorar o desenvolvimento humano em nosso município”, afirmou.

“Pretendo ser a voz de nossa comunidade para a Codevasf e o Água para Todos”, declarou Serafim Dantas, pintor aposentado e um dos representantes da Comissão Comunitária do povoado Craíbas Dantas. Ele ainda acrescentou que pretende manter a comunidade informada sobre o andamento das instalações de cisternas e quer ser o elo de ligação da comunidade com a Codevasf.

Além das comissões comunitárias, que têm a função de representar as demandas dos povoados junto à Codevasf, a metodologia de organização comunitária do Água para Todos também inclui a formação de comitês gestores municipais em cada município atendido pelo programa. A formação do Comitê Gestor Municipal é a primeira ação do programa nos municípios beneficiados e a formação das comissões comunitárias ocorrem à medida que a implantação das cisternas avança nos povoados.

Para o coordenador do Comitê Gestor Municipal de Estrela de Alagoas, Edílson Antônio da Silva, a formação das comissões comunitárias fortalecerá a ligação entre a Codevasf e os beneficiários do Programa Água para Todos. “As comissões comunitárias são as principais ligações entre o comitê gestor, a Codevasf e as ações do programa. Quando os técnicos da Codevasf estiverem realizando os trabalhos do programa nas comunidades, serão melhor recebidos, pois, como membros dos povoados, as comissões comunitárias prepararão os moradores para o trabalho do Água para Todos”, explicou.

O prefeito de Estrela de Alagoas José Almerino da Silva mostrou-se bastante satisfeito com a execução do programa no município. “O povo de Estrela de Alagoas foi o primeiro em Alagoas a receber as cisternas do Água para Todos. Temos a satisfação em ver que o programa está proporcionando acesso à água a essa população que sempre enfrentou a escassez do líquido precioso. Confiamos no Governo Federal, aqui representado pela Codevasf”, declarou.

Na reunião para eleições das comissões comunitárias, o coordenador regional do programa na Codevasf em Alagoas, Eduardo Motta, anunciou que Estrela de Alagoas também será contemplada com a construção de barreiros para dessedentação de animais e com cisternas para produção de alimentos na segunda fase do Água para Todos. Ele ainda destacou os avanços implementados nacionalmente no programa a partir da experiência de sua implantação no município, primeiro a receber as ações do Água para Todos no Estado.

“As experiências que desenvolvemos aqui foram fundamentais para mudanças no programa que buscaram ampliar os beneficiários. Como exemplo, temos a inclusão de famílias chefiadas por aposentados. Antes das ações em Estrela de Alagoas, essas famílias estavam excluídas de serem beneficiadas por terem renda fixa acima do padrão utilizado pelo Programa Bolsa Família, critério limitante para ser beneficiário do Água para Todos. Mas, após identificarmos situações de extrema pobreza em famílias com esse perfil, encaminhamos a demanda para o Conselho Gestor Nacional e foi aprovada a inclusão de beneficiários aposentados cuja única renda familiar seja a aposentadoria do idoso”, detalhou o coordenador regional do programa na Codevasf em Alagoas.

Segundo Eduardo Motta, o próximo passo será a capacitação dos membros das comissões comunitárias para que compreendam o funcionamento do programa e a gestão de água das cisternas com objetivo de se tornarem multiplicadores das informações.

A formação das comissões comunitárias ocorreu na Igreja Nossa Senhora da Conceição, no povoado Lagoa do Exu, e reuniu mais de 300 pessoas, que atenderam o convite do Conselho Gestor Municipal e da Codevasf para participar do acompanhamento das ações do Programa Água para Todos. As eleições contaram ainda com as presenças do prefeito de Estrela de Alagoas José Almerino da Silva, do coordenador regional do programa na Codevasf em Alagoas, Eduardo Motta, do coordenador do Comitê Gestor de Craíbas Fernando José dos Santos, de secretários municipais, vereadores, técnicos da Codevasf, lideranças comunitárias, agentes de saúde, professores e da população em geral.