Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Codevasf premia jovens talentos no X Salão Infantojuvenil Brincando com Arte
conteúdo

Notícias

Codevasf premia jovens talentos no X Salão Infantojuvenil Brincando com Arte

Jovens artistas do Distrito Federal e entorno tiveram seu talento reconhecido na tarde desta sexta-feira (26), durante a solenidade de encerramento do X Salão Infantojuvenil Brincando com Arte, em Brasília (DF). O evento, promovido pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) desde o último dia 15 de outubro, contou com a participação de escolas públicas e privadas, ateliês de arte e projetos sociais. O tema desta edição foi “O Folclore dos Vales do São Francisco e do Parnaíba” e reuniu, ao todo, 80 obras.
publicado: 26/10/2012 18h21, última modificação: 20/06/2018 17h14

Jovens artistas do Distrito Federal e entorno tiveram seu talento reconhecido na tarde desta sexta-feira (26), durante a solenidade de encerramento do X Salão Infantojuvenil Brincando com Arte, em Brasília (DF). O evento, promovido pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) desde o último dia 15 de outubro, contou com a participação de escolas públicas e privadas, ateliês de arte e projetos sociais. O tema desta edição foi “O Folclore dos Vales do São Francisco e do Parnaíba” e reuniu, ao todo, 80 obras.

A cerimônia contou com a presença do diretor da Área de Gestão de Empreendimentos de Irrigação, Solon Braga, que na ocasião representou o presidente da Codevasf, Elmo Vaz. “Eventos como esse dignificam o cidadão, mostrando a importância de se valorizar a arte e a cultura, além, é claro, de revelar novos talentos na área artística”, ressaltou o diretor. Também participaram da solenidade o idealizador do Salão, Luiz Roberto da Rocha Maia, professores, arte-educadores, familiares, empregados da Codevasf e patrocinadores Associação de Aposentados e Pensionistas da Codevasf Vida Nova, MS Desenhos e Casa das Artes.

Foram premiados os três melhores trabalhos das categorias "Infantil" (7 a 10 anos), "Juvenil I" (11 a 14 anos) e "Juvenil II" (15 a 18 anos), além do quadro eleito por meio de Júri Popular, composto por empregados e colaboradores da Codevasf. Os vencedores receberam troféus, medalhas e materiais como: cavaletes, revistas técnicas, mala porta tintas, tintas, pincéis, blocos de papel, lápis aquareláveis e telas para pintura. Além disso, houve distribuição de kits de produção artística para os participantes na categoria "Especial", voltada à inclusão de pessoas com deficiência, e de certificados, medalhas e brindes para todas as crianças e adolescentes que integraram a mostra.

Ao final do evento, a curadora do Espaço Cultura Codevasf, Nilma Nogueira, anunciou o tema para a próxima edição, que será “Fatores de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco, Parnaíba, Itapecuru e Mearim”. Ela também agradeceu o comprometimento das instituições participantes e ressaltou a importância do Salão para divulgar as ações da empresa.


Trabalhos premiados

Os vencedores na categoria “Infantil” foram Helder Lucas de Melo Freitas (1º lugar), do Centro de Ensino Fundamental 18 de Taguatinga; Letícia Barbosa da Silva (2º lugar), da Ação Social N. Sra. do Perpétuo Socorro; e Gabriella de Oliveira Ribeiro (3º lugar), do Instituto Metamorfose.

Na categoria “Juvenil I”, foram vencedores: Gabriel Matheus da Rocha de Oliveira (1º lugar), do Centro de Ensino Fundamental 18 de Taguatinga; Gustavo Bezerra dos Santos (2º lugar) e Liara Monique Brito (3º lugar), ambos da Ação Social N. Sra. do Perpétuo Socorro.

Na categoria “Juvenil II”, os ganhadores foram: Amanda Lima de Sousa (1º lugar), do Instituto Metamorfose; Aline de Sousa Lima (2º lugar), da Ação Social N. Sra. do Perpétuo Socorro; e Iza Saraiva de Andrade Holanda (3º lugar), da Escola Classe 57 de Ceilândia.

A estudante Aline de Sousa Lima, de 14 anos, além de ter sido um dos destaques da modalidade “Juvenil II”, comemorou a vitória no “Júri Popular”, com o quadro “A festa da cultura brasileira”. Ela conta que começou a pensar os traços de sua obra já no ano passado, quando, durante a festa de encerramento do Salão, foi anunciado o tema para 2012. “É uma emoção muito grande ser uma das vencedoras do Salão. Essa já é a terceira vez que participo do evento, e, com esse incentivo, pretendo desenvolver ainda mais o meu talento”, comemora a jovem, que recebeu os prêmios das mãos do diretor da Codevasf, Solon Braga.