Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Esgotamento sanitário em municípios mineiros
conteúdo

Notícias

Esgotamento sanitário em municípios mineiros

“Até o final deste ano, a Codevasf irá investir mais de R$ 83 milhões em obras de saneamento básico em Minas Gerais”. Foi o que afirmou o superintendente da Companhia no Estado, Anderson Chaves, durante solenidade na sede da Empresa em Montes Claros, na tarde da última sexta-feira (15), para entrega de projetos de esgotamento sanitário aos prefeitos de 15 municípios mineiros beneficiados com as obras.
publicado: 18/01/2010 15h53, última modificação: 20/06/2018 17h06

“Até o final deste ano, a Codevasf irá investir mais de R$ 83 milhões em obras de saneamento básico em Minas Gerais”. Foi o que afirmou o superintendente da Companhia no Estado, Anderson Chaves, durante solenidade na sede da Empresa em Montes Claros, na tarde da última sexta-feira (15), para entrega de projetos de esgotamento sanitário aos prefeitos de 15 municípios mineiros beneficiados com as obras.

Segundo técnicos da Codevasf, essas obras, que fazem parte do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco, com recursos oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), beneficiarão em torno de 140 mil pessoas. O PAC já investiu, nos últimos cinco anos, em torno de meio bilhão de reais em obras de esgotamento sanitário e recuperação de processos erosivos em 73 municípios do vale do rio São Francisco em Minas Gerais.

De acordo com o plano de trabalho apresentado pela Codevasf, em cada município, serão construídas uma Estação de Tratamento de Esgoto – ETE, redes coletoras e interceptoras, elevatórias e ligações domiciliares.

Dos municípios que receberam os projetos na última sexta-feira, nove já tiveram as obras iniciadas e, em outros seis, os serviços devem começar ainda neste mês. Os municípios beneficiados foram: Bocaiuva, Francisco Sá, Catuti, Espinosa, Ibiaí, Icaraí de Minas, Lagoa dos Patos, Matias Cardoso, Ponto Chique, Riacho dos Machados, São João do Pacuí, Ubaí, Verdelândia, Santa Fé de Minas e Santana de Pirapama.