Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Igaporã recebe esgotamento sanitário através da Codevasf
conteúdo

Notícias

Igaporã recebe esgotamento sanitário através da Codevasf

Com o auditório da Câmara de Vereadores lotado, foi realizada, na última quarta-feira (13), na cidade de Igaporã (BA), uma audiência pública para apresentação do Projeto de Esgotamento Sanitário da cidade. O prefeito Newton Cotrim afirmou a importância da maior obra já realizada no município e enfatizou a qualidade dos trabalhos realizados pela Codevasf. “Estou seguro de que a Codevasf é a empresa certa para realizar um empreendimento tão grande e que vai trazer tantos benefícios para a cidade de Igaporã e para o Vale do São Francisco”, salientou Cotrim.
publicado: 15/05/2009 10h18, última modificação: 20/06/2018 17h04

Com o auditório da Câmara de Vereadores lotado, foi realizada, na última quarta-feira (13), na cidade de Igaporã (BA), uma audiência pública para apresentação do Projeto de Esgotamento Sanitário da cidade. O prefeito Newton Cotrim afirmou a importância da maior obra já realizada no município e enfatizou a qualidade dos trabalhos realizados pela Codevasf. “Estou seguro de que a Codevasf é a empresa certa para realizar um empreendimento tão grande e que vai trazer tantos benefícios para a cidade de Igaporã e para o Vale do São Francisco”, salientou Cotrim.

O superintendente regional da Companhia em Bom Jesus da Lapa (BA), Calmito Fagundes, revelou o orgulho de, enquanto gestor da Superintendência, ser o responsável por trazer essa importante obra, dentro do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), para Igaporã, onde serão investidos cerca de R$ 9 milhões, beneficiando uma população de 9.000 habitantes. “Dentro do PAC, poucas empresas conseguiram realizar com tanta eficácia suas obras como faz a Codevasf. Por isso, Igaporã também está de parabéns por ter uma obra tão grande no seu município realizada pela Companhia”, frisou Fagundes.

Já o assessor da Presidência da Codevasf, Sérgio Coelho, discorreu sobre a importância da obra dentro do Programa de Revitalização do Rio São Francisco e sobre os benefícios para saúde e a qualidade de vida da população. Também estiveram presentes na ocasião o engenheiro fiscal das obras, Marcos Caetano, que proferiu palestra específica sobre o empreendimento, e a equipe da área de Revitalização da Superintendência.

Para finalizar, ocorreu uma reunião entre uma economista doméstica e uma pedagoga da Codevasf e diretoras de escolas de Igaporã com a finalidade de formatar uma programação de visitas às instituições de 1º grau do município. O objetivo dessa iniciativa é apresentar a Cartilha do Chiquinho, bem como implementar atividades de modo que as crianças entendam os benefícios e os impactos da obra de forma descontraída e envolvente.