Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Esgotamento Sanitário em Bocaiúva
conteúdo

Notícias

Esgotamento Sanitário em Bocaiúva

Foi assinado na sede da Codevasf em Montes Claros (MG), o termo da ordem de serviço para início imediato das obras de implantação do sistema de esgotamento sanitário da cidade de Bocaiúva.
publicado: 17/03/2010 11h41, última modificação: 20/06/2018 17h06

Foi assinado na sede da Codevasf em Montes Claros (MG), o termo da ordem de serviço para início imediato das obras de implantação do sistema de esgotamento sanitário da cidade de Bocaiúva. Participaram da solenidade de assinatura desse documento, o superintendente da Companhia em Minas Gerais, Anderson Chaves; o presidente da Câmara Municipal de Bocaiúva, Fernando Messias dos Reis; o vereador daquele município, Geraldo Antônio Camelo; o gestor de contratos da Codevasf, José Carlos Rabelo Ruas e várias outras lideranças comunitárias bocaiuvenses.

Para a execução dessas obras de saneamento básico o Governo Federal, com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e em atendimento às ações do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, por meio do Ministério da Integração Nacional e da Codevasf, irá investir R$ 7,9 milhões.

Durante a solenidade, o superintendente Anderson Chaves explicou que o sistema de esgotamento sanitário que está sendo implantado em Bocaiúva, consta da conclusão das obras de uma estação de tratamento de esgoto, implantação de 1.330 ligações domiciliares e 23 quilômetros de rede coletora de esgoto, construção de quatro elevatórias e, ainda, a construção de 2.700 metros de interceptores no córrego Macaúbas. Com a conclusão dessas obras, prevista para o segundo semestre do próximo ano, toda a população urbana bocaiuvense, cerca de 35 mil pessoas, será diretamente beneficiada.