Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Empreendimentos apoiados pela Codevasf expõem em Santa Catarina
conteúdo

Notícias

Empreendimentos apoiados pela Codevasf expõem em Santa Catarina

Mais de 120 produtores e artesãos de empreendimentos apoiados pela Codevasf participam até domingo (14) da II Mostra Nacional de Desenvolvimento Regional, promovida pelo Ministério da Integração Nacional
publicado: 11/03/2010 09h37, última modificação: 20/06/2018 17h06

Mais de 120 produtores e artesãos de empreendimentos apoiados pela Codevasf participam até domingo (14) da II Mostra Nacional de Desenvolvimento Regional, promovida pelo Ministério da Integração Nacional, no Centro de Convenções de Florianópolis (SC). O evento tem como objetivo reunir e mobilizar diversos segmentos da sociedade na construção de um espaço de debate e aprimoramento das políticas públicas para o desenvolvimento regional. O local está aberto ao público entre 9h e 22h e tem entrada gratuita. Mais informações podem ser obtidas no site www.mi.gov.br/mostra.

Os produtores e artesãos da área de atuação da Codevasf participam da Mostra com apoio logístico da empresa e do Ministério da Integração Nacional. Eles estão agrupados em estandes coletivos em forma de “vila”, os quais representam as regiões de origem dos empreendimentos: Vila Semiárido, Xingó, Vila das Rides e Chapada do Araripe.

DIVERSIDADE

Os expositores representam 68 empreendimentos de diversos estados da área de atuação da Codevasf. Entre os produtos em exposição estão: tilápia e derivados, doces, geléias, licores, vinho, cachaça, mel, produtos orgânicos, ervas medicinais, frutas variadas, produtos de óleo de coco, cosméticos, material de limpeza, queijo de cabra e o mais diversificado artesanato em couro de tilápia e de caprinos, em palha de bananeira, de ouricuri e de milho, em madeira, pedra, pano e cerâmica.

Da tilápia, um pescado de carne saborosa e leve, além do tradicional filé os produtores de Minas Gerais, Pernambuco e Bahia apresentam para degustação o peixe defumado e também diversas opções de linguiça. Artesãos alagoanos mostram a beleza e a criatividade do artesanato feito do couro da tilápia, com o qual fazem cintos, botas, acessórios e biojoias.

O mel é outro produto de destaque entre os empreendimentos apoiados pela Codevasf. Esse vem de arranjos produtivos apoiados pela Codevasf no Piauí, Bahia, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e na Serra Geral (MG). Entre os expositores está a Central de Cooperativas Apícolas do Semi-Árido Brasileiro, a Casa Apis, com sede em Picos (PI), que foi a primeira organização do setor na América Latina a obter certificação de comércio justo (Fair Trade).

A diversidade dos produtos apresentados é reflexo do potencial econômico e da capacidade de criação encontrada nos Vales do São Francisco e do Parnaíba. A organização dos empreendimentos em arranjos produtivos locais facilita a atuação do setor público, promove a participação da sociedade civil e o desenvolvimento social e econômico sustentável.

MAIS VISIBILIDADE

Além de dar a conhecer os resultados do investimento público na organização e fortalecimento de arranjos produtivos locais, a presença de produtores e artesãos dos Vales na segunda edição da Mostra dá visibilidade aos seus produtos e permite a identificação de novos canais de comercialização. Além de oferecerem seus produtos ao público visitante, os produtores participam também de rodadas de negócios, o que dá uma oportunidade segura para inserção no mercado nacional.

Na abertura do evento, o diretor da Área de Revitalização das Bacias Hidrográficas, Ricardo Luiz Ferreira dos Santos, representando o presidente da Codevasf, Orlando Castro, declarou que “a Mostra é uma demonstração inequívoca da criatividade e do empreendedorismo do povo brasileiro”. Além disso, ele afirma que, “como funcionário e dirigente da Codevasf, é gratificante ver a atuação da empresa no desenvolvimento regional nos vales do São Francisco e do Parnaíba, e agora também nos vales do Itapecuru e Mearim”.

Também acompanham os produtores e artesãos da Codevasf os superintendentes da Empresa Antônio Nelson Oliveira de Azevedo (Penedo - AL), Ana Angélica Lima (Juazeiro - BA), Guilherme Almeida Gonçalves de Oliveira (Teresina – PI) e Antônio Viana Filho (Aracaju - SE).