Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Codevasf é uma das vencedoras do Prêmio ECO 2009
conteúdo

Notícias

Codevasf é uma das vencedoras do Prêmio ECO 2009

A Codevasf foi a vencedora do Prêmio ECO 2009, na categoria Sustentabilidade em Novos Projetos. O trabalho premiado é de autoria dos engenheiros agrônomos Rodrigo Vieira e Frederico Calazans, e do engenheiro eletricista Juan Ramon Fleischmann
publicado: 25/11/2009 09h40, última modificação: 20/06/2018 17h05

A Codevasf foi a vencedora do Prêmio ECO 2009, na categoria Sustentabilidade em Novos Projetos. O trabalho premiado é de autoria dos engenheiros agrônomos Rodrigo Vieira e Frederico Calazans, e do engenheiro eletricista Juan Ramon Fleischmann. Eles desenvolveram um estudo sobre impactos ambientais, econômicos e sociais pertinentes a alteração do sistema de irrigação do perímetro de irrigação de Mandacaru, em Juazeiro, Bahia. A solenidade de premiação foi realizada no dia 27 de novembro, na Amcham Business Center, em São Paulo.

A categoria em que a Codevasf foi vencedora refere-se a novos projetos empresariais que envolvam a implantação de novas unidades produtivas ou unidades de negócio que já nascem com critérios de sustentabilidade incorporados de forma sistêmica e estratégica.

O projeto vencedor consiste no desenvolvimento de uma metodologia inovadora, calcada na teoria da eficiência de aplicação de água e do consumo de energia baseado em análises obtidas a partir da alteração dos sistemas de irrigação por gravidade para sistemas pressurizados. Para tanto foi realizado o acompanhamento em um lote do perímetro. Foi constatada uma diminuição da vazão utilizada de 20 l/s para 7 l/s.

Além da economia de água - 52% - com a redução de 8,4 milhões de m3 para 4 milhões de m3, outros resultados são esperados, como redução dos custos com energia para o projeto – 36%; redução dos custos de produção – 36%; diminuição do risco da salinização dos solos; combate ao desperdício de água e ao carreamento de fertilizantes e agrotóxicos para o leito do rio São Francisco, dentre outros benefícios.

O projeto destaca-se também em relação aos aspectos ambiental e cultural, pois trabalha com a conscientização dos produtores e da sociedade em geral para o uso e aproveitamento racional dos recursos naturais, sobretudo água e solo, como insumo e matriz produtiva de alimentos, respectivamente.

Para a implantação do Projeto-Piloto, no caso específico do Mandacaru, serão necessários investimentos da ordem de R$ 3 milhões na aquisição e montagem de equipamentos e na escavação dos reservatórios individuais. A simples mudança do método implicará em uma significativa redução do volume anual bombeado e do consumo de energia elétrica, levando ao aumento da competitividade dos beneficiários no mercado, e por conseguinte, de sua lucratividade.

O projeto tem recebido forte apoio da Diretoria da Codevasf não apenas na busca de captação de recursos financeiros e parcerias para a implantação do Projeto-Piloto, como também em sua divulgação, inclusive no âmbito internacional. O estudo foi apresentado em 2008 na Expozaragoza, na Espanha, além de congressos, seminários e outros eventos no Brasil.

Com isso, a Codevasf, além do reconhecimento da sua larga experiência na agricultura irrigada, demonstra sua preocupação na recuperação de passivos ambientais e defesa de métodos eficazes para a produção de riquezas, de modo sustentável.

SOBRE O PRÊMIO - Em sua 27ª edição, o Prêmio ECO visa a distinguir e reconhecer as melhores práticas de gestão empresarial sustentável no Brasil que contribuam de forma exemplar, e simultaneamente, para o sucesso econômico da empresa, para a construção de uma sociedade mais justa e próspera e para a preservação do meio ambiente em nosso país. Na edição deste ano, a ênfase foi em inovações sustentáveis nos diferentes aspectos dos negócios das empresas.

O Prêmio foi lançado pela Amcham (Câmara Americana de Comércio) no ano de 1982, sendo pioneiro no reconhecimento de empresas que adotam práticas sustentáveis no Brasil. O jornal Valor Econômico, pelo segundo ano consecutivo, participou como correalizador do Prêmio. O objetivo da parceria é garantir maior visibilidade à iniciativa.