Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Fim da praga
conteúdo

Notícias

Fim da praga

O estado da Bahia foi reconhecido como Área Livre da praga Sigatoka Negra, pela Secretária de Defesa Agropecuária, do Ministério da Agricultura, Pecuário e Abastecimento. A decisão é de grande relevância para a Codevasf, pois impacta diretamente nos projetos públicos de irrigação da Empresa. A maioria da área plantada nos perímetros públicos da Bahia corresponde à cultura da banana, tendo o Projeto Formoso com 5.000 ha plantados da Fruta, correspondendo ao maior produtor do Estado.
publicado: 25/05/2006 17h01, última modificação: 20/06/2018 16h59

O estado da Bahia foi reconhecido como Área Livre da praga Sigatoka Negra, pela Secretária de Defesa Agropecuária, do Ministério da Agricultura, Pecuário e Abastecimento. A decisão é de grande relevância para a Codevasf, pois impacta diretamente nos projetos públicos de irrigação da Empresa. A maioria da área plantada nos perímetros públicos da Bahia corresponde à cultura da banana, tendo o Projeto Formoso com 5.000 ha plantados da Fruta, correspondendo ao maior produtor do Estado.

Todos os perímetros juntos dão à Bahia o título de maior produtor do Nordeste. A medida coloca a Bahia como estado pioneiro na erradicação e certificação da Sigatoka Negra, mau que assombra todos os produtores do Brasil, inclusive estados grandes produtores, como Santa Catarina, São Paulo e Minas Gerais. O resultado da certificação são provenientes dos esforços dos produtores e da Codevasf, com ações de pulverizações coletivas aéreas e constante monitoramento, através da assistência técnica e convênios com a Embrapa.