conteúdo

Pirapora

por Antônio Luiz de Oliveira Correa da Silva publicado 31/07/2018 18h15, última modificação 27/06/2022 16h59

Localização: Município de Pirapora - MG – Alto São Francisco
Polo de Desenvolvimento: Norte de Minas Gerais
Área irrigável total: 1.236 ha
Área  irrigável ocupada: 1.236 ha (1.236 ha – lotes empresariais)
Fonte hídrica: Rio São Francisco
Vazão outorgada vigente: 12.335.208 m3.ano-1
Investimento até 2021: R$ 17.239.157,94
Dados da infraestrutura: 25 km de adutoras; 21 km de estradas; 26 km de drenos; 2 estações de bombeamento
Início de funcionamento: 1979
Início da cogestão: 1987

A fonte hídrica do Projeto Pirapora é o Rio São Francisco. A captação da água é feita por meio de uma estação de bombeamento. Por meio de uma adutora a água é levada a um reservatório central, onde é captada e pressurizada para que seja distribuída aos lotes por meio de tubulações. Na infraestrutura do projeto tem um centro técnico-administrativo, uma escola e algumas residências. A maioria dos irrigantes residem na cidade de Pirapora. A área do Projeto é composta exclusivamente por lotes empresariais, totalizando 37 lotes irrigáveis ocupados (CODEVASF, 1999).

Produção agrícola

Pirapora_VBP.jpgFigura 1: Evolução do Valor Bruto de Produção do projeto Pirapora entre os anos 2016 e 2021.
Fonte: Elaborado com dados da CODEVASF, 2022.Pirapora_culturas.jpg

Figura 2: Principais espécies cultivadas no projeto Pirapora, de acordo com o VBP, no ano de 2021.

Fonte: Elaborado com dados da CODEVASF, 2022.

 

Características da produção

Em 2021, a banana foi responsável por 47% do VBP total desse projeto e a uva por 34%, como mostra a Gráfico 2.
A fruticultura foi responsável por 100% do VBP gerado no projeto, tendo como principais frutas exploradas a banana e a uva, sendo que 86% da área cultivada nesse projeto foi destinada para essas duas culturas.
Embora tenha sofrido uma grande queda no VBP em 2018 e 2019, causada principalmente pela redução do preço e da produção da banana e da redução do preço da uva, em 2020 os valores do VBP voltaram aos patamares do ano de 2017.
Já em 2021 houve uma leve redução devido aos menores preços de venda da banana e da uva.
Nesse Projeto os lotes são exclusivamente empresariais e são cultivadas apenas culturas permanentes.
O sistema de irrigação predominante é o de microaspersão, embora ainda existam áreas com aspersão.

Potencialidades

Estima-se a geração de 941 empregos diretos 1.412 empregos indiretos e 320 empregos induzidos. Ao todo foram 941 ha de área cultivada, 28.217 t. de produtos agrícolas e R$ 276.526.646,83 de VBP, em 2021.

Documentos:

Plano Operativo Anual (POA) 2021 - Pirapora (arquivo PDF)