Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2021 > Codevasf estrutura produção apícola de associação em Serra do Ramalho (BA)
conteúdo

Notícias

Codevasf estrutura produção apícola de associação em Serra do Ramalho (BA)

publicado: 04/02/2021 16h06, última modificação: 04/02/2021 16h06

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) estruturou a Associação dos Pequenos Produtores de Barrinha do São Francisco, localidade no município de Serra do Ramalho (BA), com a entrega de materiais que fortalecerão a produção apícola da comunidade. O investimento foi de R$ 24 mil, com recursos do Orçamento Geral da União, destinados à Codevasf por meio de emenda parlamentar.

Codevasf estrutura produção apícola de associação em Serra do Ramalho (BA).JPGA entidade, que possui 25 associados, sendo 15 apicultores, recebeu na sexta-feira (29) 15 kits familiares de apicultura, que somam: 75 colmeias apícolas completas padrão Langstroth; 30 conjuntos de equipamentos de proteção individual (EPIs), compostos por macacões apícolas, botas e luvas; 15 fumigadores; 75 quilos de cera de abelha alveolada; e 15 baldes plásticos de 20 litros.

Segundo a presidente da associação, Edvanda Santos, os equipamentos permitirão aos apicultores complementar a renda, por meio da produção e comercialização de mel e outros produtos apícolas. “Estamos muito felizes. Hoje nós estamos recebendo os kits da Codevasf. Isso é um orgulho para a gente, pois nós esperamos seguir em frente e ter uma produção maravilhosa, porque é o nosso objetivo, tanto meu quanto dos colegas. Esperamos apresentar resultados em breve”, disse.

“Esses kits vão proporcionar um avanço significativo na comunidade de Barrinha do São Francisco, onde já desenvolvemos um trabalho com apicultura. A gente espera que, com esse material, possamos fazer uma ampliação das atividades apícolas, proporcionando uma renda extra às famílias da comunidade”, afirmou o estudante de agronomia José Augusto, que faz parte da associação.

A expectativa da Gerência Regional de Revitalização da 2ª Superintendência Regional da Codevasf, sediada em Bom Jesus da Lapa (BA), é que cada colmeia produza em média 40 quilos de mel por ano. Sendo assim, as 75 colmeias poderão promover um aumento da produção municipal de Serra do Ramalho em aproximadamente três toneladas por ano, correspondendo a um valor bruto anual em torno de R$ 30 mil, ao preço médio de R$ 10 por quilo.

Codevasf estrutura produção apícola de associação em Serra do Ramalho (BA) 3.JPEG“A comunidade vai utilizar esse material com a intenção de ampliar a geração de renda. A apicultura é uma alternativa que a comunidade encontrou para produzir de maneira sustentável no local, que é uma área de preservação. A ideia é investir nesses tipos de produção que não agridam o meio ambiente”, explicou o técnico em agropecuária e estudante de agronomia Felipe Nonato dos Santos. Ele também faz parte da associação.

De acordo com o superintendente regional da Codevasf em Bom Jesus da Lapa, Harley Nascimento, o aporte de recursos oriundos de emendas parlamentares tem proporcionado à Companhia ampliar significativamente o volume de kits de inclusão produtiva em sua área de atuação, que recentemente foi ampliada, com destaque para os kits de apicultura.

“É muito gratificante para mim, que também sou ribeirinho, ver os benefícios que a Codevasf proporciona às comunidades rurais, por meio da disponibilização de materiais, equipamentos e insumos que permitem o desenvolvimento e ampliação das atividades econômico-produtivas rurais sustentáveis, como é o caso da apicultura. Assim, entendo que a Codevasf tem cumprido à risca o seu papel, que é promover o desenvolvimento regional nas bacias hidrográficas da sua área de atuação”, completou Harley Nascimento.