Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Reunião discute plano para viabilização do Canal de Xingó
conteúdo

Notícias

Reunião discute plano para viabilização do Canal de Xingó

O diretor interino da Área de Revitalização das Bacias Hidrográficas da Codevasf, Guilherme Almeida, que está respondendo pela Presidência, esteve reunido nessa quarta-feira (24), em Brasília (DF), com o governador de Sergipe, Marcelo Déda, com o propósito de estabelecer um planejamento das ações para viabilizar o Canal de Xingó no estado.
publicado: 25/08/2011 17h50, última modificação: 20/06/2018 17h11

O diretor interino da Área de Revitalização das Bacias Hidrográficas da Codevasf, Guilherme Almeida, que está respondendo pela Presidência, esteve reunido nessa quarta-feira (24), em Brasília (DF), com o governador de Sergipe, Marcelo Déda, com o propósito de estabelecer um planejamento das ações para viabilizar o Canal de Xingó no estado.

O projeto consiste no aproveitamento múltiplo de recursos naturais em terras dos municípios de Canindé do São Francisco, Poço Redondo, Porto da Folha, Monte Alegre de Sergipe e Nossa Senhora da Glória, no estado sergipano, e Santa Brígida e Paulo Afonso, na Bahia. Tem por base a água disponibilizada por um canal de adução com tomada no reservatório de Paulo Afonso IV, desenvolvendo-se por todo o percurso até o município de Nossa Senhora da Glória, que possibilitará a irrigação de cerca de 16.500 hectares. Entre os benefícios da obra estão: fortalecimento da pecuária leiteira, desenvolvimento da agricultura irrigada, agroindústrias, apicultura e piscicultura, além da exploração do potencial turístico proporcionado pela região do cânion do São Francisco.

A Codevasf já executou os projetos de pré-viabilidade e viabilidade do empreendimento (em fase final) e, atualmente, está na etapa de execução do projeto básico. Segundo o diretor Guilherme Almeida, na reunião, foram estabelecidos procedimentos técnicos para execução das etapas do projeto e apresentados o calendário de atividades e o orçamento para os estudos e a execução das obras.

Em continuidade a esse trabalho, estão ocorrendo, nessa semana, em Aracaju, reuniões com técnicos da Codevasf, das Secretarias de Desenvolvimento Urbano (Sedurb) e Planejamento (Seplag) e da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso). O próximo passo, de acordo com o diretor, é a apresentação e aprovação do projeto junto ao ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, e à presidenta Dilma Rousseff.