Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Presidente da Codevasf autoriza início de obras para semiárido piauiense e recebe homenagem do governo
conteúdo

Notícias

Presidente da Codevasf autoriza início de obras para semiárido piauiense e recebe homenagem do governo

Cerca de 2,5 mil famílias do semiárido piauiense serão beneficiadas com infraestrutura hídrica – sistemas de abastecimento e barreiros –; e 2,8 mil famílias, toda a população do município de Oeiras, receberão sistema de esgotamento sanitário. As ordens de serviço para as obras, um investimento de R$ 23,8 milhões, foram assinadas nesta quinta (24) pelo presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, na presença do governador do Piauí, Wilson Martins. Na mesma solenidade, o presidente da Codevasf foi agraciado com a medalha da Ordem Estadual do Mérito Renascença do Piauí, sob a insígnia de oficial.
publicado: 24/01/2013 17h55, última modificação: 20/06/2018 17h15

Cerca de 2,5 mil famílias do semiárido piauiense serão beneficiadas com infraestrutura hídrica – sistemas de abastecimento e barreiros –; e 2,8 mil famílias, toda a população do município de Oeiras, receberão sistema de esgotamento sanitário. As ordens de serviço para as obras, um investimento de R$ 23,8 milhões, foram assinadas nesta quinta (24) pelo presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, na presença do governador do Piauí, Wilson Martins. Na mesma solenidade, o presidente da Codevasf foi agraciado com a medalha da Ordem Estadual do Mérito Renascença do Piauí, sob a insígnia de oficial.

"A partir de hoje eu me sinto um pouco mais do estado do Piauí. Para mim, que sou baiano, sou sertanejo, e que já tinha uma relação estreita com esse estado, é uma satisfação, uma honra muito grande poder estar aqui neste dia. Conhecendo a história da cidade, fica evidenciada sua sensibilidade cultural e sua sabedoria. A partir de hoje, eu me sinto muito mais responsável, compromissado em poder continuar lutando e ajudando esta terra”, declarou Elmo Vaz.

A homenagem, que é a maior comenda do Piauí, é concedida a personalidades e autoridades que, por relevantes serviços prestados ao estado, contribuíram para o desenvolvimento da região. O diretor de Irrigação da Codevasf, José Solon de Oliveira, também recebeu a condecoração no grau oficial. O diretor de Revitalização da Companhia, José Augusto Nunes, esteve presente no evento.

A solenidade fez parte das comemorações alusivas ao 190° aniversário da adesão do Piauí à independência do Brasil, no Cine Teatro de Oeiras, a 271 km de Teresina. O município foi a primeira capital piauiense. Durante a cerimônia, o presidente da Codevasf assinou ordens de serviço referentes às obras de implantação de 60 sistemas de abastecimento de água e à construção de 80 barreiros de acumulação de água. Ele também autorizou a contratação da empresa vencedora da licitação para a ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário de Oeiras.

As medidas autorizadas fazem parte de um conjunto de iniciativas que visam à redução dos efeitos da estiagem e a garantir água de qualidade para a população piauiense.

O governador do Piauí, Wilson Martins, elogiou a parceria com a Codevasf. “Tenho acompanhado as ações feitas pela Codevasf em parceria com o governo do estado. Nós estamos tratando aqui em vários investimentos. Vamos assinar as ordens de serviço, além disso vamos universalizar o esgotamento sanitário na cidade de Oeiras. Temos que comemorar tantos avanços”, disse

“A Codevasf tem um papel muito importante no estado do Piauí. Cada vez mais estamos podendo contribuir, fazendo com que a desigualdade social diminua, e gerando emprego e renda. São obras de abastecimento de água, construção de barreiros, esgotamento sanitário, que vão diminuir o sofrimento da população, sobretudo da população rural que enfrenta grande dificuldade com a estiagem que estamos vivendo, uma das maiores dos últimos 50 anos”, pontuou Elmo Vaz.
As três obras somam R$ 23,8 milhões e beneficiarão a população do semiárido piauiense. "A construção de barreiros, as cisternas para acumular água, são muito importantes para os agricultores. Água é vida. E uma água de qualidade, tratada. Não resta dúvida que vai melhorar a vida da população. Os trabalhadores rurais precisam muito", afirmou Cícero Esterro, que receberá sistema de abastecimento de água em seu município.


Mais Irrigação

Na última sexta-feira (18), na presença da presidenta Dilma Rousseff, foi assinada a ordem de serviço para início das obras de infraestrutura do projeto de irrigação Marrecas-Jenipapo, também sob responsabilidade da Codevasf. As obras receberão investimentos de R$ 46,5 milhões no âmbito do programa Mais Irrigação.

O Piauí será contemplado com R$ 275,7 milhões em investimentos públicos do Mais Irrigação para aumentar a produtividade das áreas irrigadas e apoiar a agricultura familiar. Do total de recursos previstos para o estado, R$ 49,7 milhões são destinados a dois projetos sob a responsabilidade da Codevasf – Marrecas-Jenipapo e Salinas –, que estão incluídos em dois dos quatro eixos do Programa.


Codevasf no Piauí

Somente em 2012, a Codevasf investiu no Piauí R$ 140 milhões na forma de convênios e contratos que viabilizaram obras de abastecimento, saneamento, esgotamento sanitário, estímulo a Arranjos Produtivos Locais (APLs), além das ações do programa Água para Todos. A maior parte dos recursos é oriunda do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e do Plano Brasil sem Miséria.

O governador do Piauí, Wilson Martins, em visita à sede da Companhia em dezembro de 2012, destacou a importância da parceria. “A Codevasf é uma das pilastras que trabalha o desenvolvimento do Piauí. A Codevasf tem sido um braço executor. (...) Fazendo acontecer no estado a realização de projetos”, disse.

As ações de infraestrutura empreendidas pela Codevasf têm beneficiado mais de 430 mil piauienses, incluindo-se as áreas de abastecimento de água, rede elétrica rural, pavimentação asfáltica e estradas vicinais, além de projetos nas áreas de aquicultura e pesca, agricultura irrigada e arranjos produtivos locais (APLs).

As obras de esgotamento sanitário reúnem investimentos de aproximadamente R$ 185,5 milhões para benefício de 150 mil habitantes de zonas urbanas de 14 municípios com população de até 50 mil habitantes. A ação promove, entre outros benefícios, a melhoria das condições sanitárias locais, a conservação dos recursos naturais e a eliminação de focos de poluição.

No âmbito do programa Água para Todos, o investimento realizado até o final de 2012 pela Codevasf foi de R$ 6,8 milhões para benefício de 17,9 mil piauienses com cisternas de polietileno que têm capacidade para armazenar até 16 mil litros de água. Com as cisternas as populações dos municípios com carência hídrica têm melhores condições para enfrentar os longos períodos de estiagem, armazenando a água da chuva captada nos telhados das casas.

Outra iniciativa importante da Codevasf no Piauí, em parceria com o governo do estado, foi a inauguração do perímetro irrigado Hildo Diniz em dezembro passado. A área de 100 hectares no município de Colônia do Gurgueia deverá se transformar em grande centro de produção de frutas, inclusive uvas.

Por meio de convênio firmado entre o Ministério da Integração Nacional e a Secretaria de Desenvolvimento Rural do Piauí, foi autorizada licitação para construção de 270 sistemas simplificados de abastecimento de água, um investimento de R$ 33 milhões, e mais 135 barreiros, no valor de R$ 6 milhões, também no âmbito do Água para Todos.


Foto: Paulo Barros/CCOM-PI