Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Obra de esgotamento em município mineiro irá beneficiar 33,9 mil habitantes
conteúdo

Notícias

Obra de esgotamento em município mineiro irá beneficiar 33,9 mil habitantes

Cerca de 33,9 mil moradores de Arcos, no semiárido mineiro, serão beneficiados com o sistema de esgotamento sanitário cujas obras começam neste mês de agosto – um investimento da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Serão aplicados recursos da ordem de R$ 15,9 milhões, oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), no âmbito do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco.
publicado: 15/08/2013 11h55, última modificação: 20/06/2018 17h17

Cerca de 33,9 mil moradores de Arcos, no semiárido mineiro, serão beneficiados com o sistema de esgotamento sanitário cujas obras começam neste mês de agosto – um investimento da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Serão aplicados recursos da ordem de R$ 15,9 milhões, oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), no âmbito do Programa de Revitalização da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco.

A população local contará com uma série de benefícios após a conclusão da obra. “A remoção de poluentes, como matéria orgânica, sólidos em suspensão, organismos patogênicos e nutrientes, a partir do tratamento de esgoto domiciliar, tem com resultado imediato a melhoria da saúde coletiva, da qualidade de vida e do bem-estar da população”, explica Aldimar Dimas Rodrigues, superintendente regional da Codevasf em Montes Claros (MG).

Para o prefeito de Arcos, Roberto Alves da Silva, o início da obra é aguardado ansiosamente pela população. "Eu e toda a população de Arcos estamos extremamente felizes com a chegada da nova e tão sonhada estação de tratamento de esgoto para o nosso município. Essa ação do governo federal, por meio da Codevasf, conta com o nosso apoio e vem para melhorar a vida de milhares de arcoenses que residem na região norte da cidade. Temos a certeza de que a obra irá atender a demanda de tratamento de esgoto da nossa cidade por muitos anos", ressalta Silva.

O projeto do sistema de esgotamento sanitário do município consiste da construção de 4.800m de emissário; uma estação elevatória (final) e uma Estação de Tratamento de Esgotos (ETE), composta de oito lagoas anaeróbias, uma lagoa facultativa e duas lagoas de maturação e leitos de Secagem.

Arcos já possui redes coletoras implantadas e ligações prediais, além de uma ETE, que não opera adequadamente e será desativada por estar localizada dentro da cidade. A obra levará o esgoto da chegada da antiga estação até a nova que será construída.

O município de Arcos está localizado no Alto São Francisco, na região centro-oeste de Minas Gerais, a 170 km da nascente do Velho Chico.

Ouça a notícia da Rádio Codevasf:

http://www.codevasf.gov.br/principal/promocao-e-divulgacao/central-de-radio/materias-e-entrevistas-2013/13-obras-de-esgotamento-sanitario-vao-melhorar-a-qualidade-de-vida-dos-moradores-de-arcos-mg.mp3