Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Intercâmbio entre extensionistas e produtores do Sistema Itaparica
conteúdo

Notícias

Intercâmbio entre extensionistas e produtores do Sistema Itaparica

Equipe de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) do Perímetro Irrigado Brígida, localizado no município de Orocó (PE), visita hoje (10), plantio de tomate do Perímetro Irrigado Icó-Mandantes, localizado nos municípios de Floresta e Petrolândia, em Pernambuco, e criatório de galinha de postura (para produção de ovos) e plantio de banana prata anã no Perímetro Irrigado Apolônio Sales, que fica em Petrolândia.
publicado: 10/08/2010 09h11, última modificação: 20/06/2018 17h09

Equipe de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) do Perímetro Irrigado Brígida, localizado no município de Orocó (PE), visita hoje (10), plantio de tomate do Perímetro Irrigado Icó-Mandantes, localizado nos municípios de Floresta e Petrolândia, em Pernambuco, e criatório de galinha de postura (para produção de ovos) e plantio de banana prata anã no Perímetro Irrigado Apolônio Sales, que fica em Petrolândia.

Cerca de 10 extensionistas, entre eles, engenheiros agrônomos e técnicos agrícolas, do Perímetro Irrigado Brígida, vão participar desse intercâmbio. “O objetivo é promover o contato das equipes de Ater com experiências bem sucedidas dos Perímetros Irrigados do Sistema Itaparica”, explica o engenheiro agrônomo, Cláudio Baltazar, da Codevasf em Petrolina.

No Perímetro Irrigado Icó-Mandantes, o tomate é um plantio tradicional entre os agricultores familiares. Segundo dados da Ater, em condições favoráveis, chegam a colher cerca de 60 toneladas por hectare. Já no Perímetro Irrigado Apolônio Sales, a criação de galinhas de postura chega a produzir 35 mil ovos por dia, o que resulta em produção de 1 milhão e 50 mil ovos por mês.