Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Eleita diretoria do Comitê de Gestão Compartilhada da Assistência Técnica da Codevasf
conteúdo

Notícias

Eleita diretoria do Comitê de Gestão Compartilhada da Assistência Técnica da Codevasf

Na tarde dessa quinta-feira, 31 de maio, o auditório da Codevasf em Petrolina foi sede de importante acontecimento para os produtores dos perímetros de irrigação Senador Nilo Coelho, área Maria Tereza e Bebedouro. Foi eleita a diretoria do Comitê de Gestão Compartilhada da Assistência Técnica.
publicado: 01/06/2012 09h35, última modificação: 20/06/2018 17h13

Na tarde dessa quinta-feira, 31 de maio, o auditório da Codevasf em Petrolina foi sede de importante acontecimento para os produtores dos perímetros de irrigação Senador Nilo Coelho, área Maria Tereza e Bebedouro. Foi eleita a diretoria do Comitê de Gestão Compartilhada da Assistência Técnica.

Responsável pela eleição de sua diretoria, o Comitê, que existe desde 2010 e é formado por 72 produtores representantes dos perímetros de irrigação locais, foi criado para desempenhar uma função essencial no crescimento da qualidade da produção local: representar os produtores dos referidos perímetros no acompanhamento dos trabalhos da Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), participando das tomadas de decisões, na implementação e avaliação das ações integradas de interesse comum entre Codevasf, ATER e produtores.

A diretoria será responsável pela convocação de reuniões, aprovação de pautas propostas pelos membros do comitê, coordenação de reuniões e trabalhos, representação dos comitês nos atos que se fizerem necessário, entre outras atividades que envolvam o trabalho de ATER nos perímetros de irrigação.

A assistência técnica e extensão rural é um trabalho realizado pela Codevasf com o intuito de orientar os pequenos produtores do Perímetro de Irrigação Senador Nilo Coelho, área Maria Tereza e Bebedouro. São 50 profissionais contratados que esclarecem as mais variadas dúvidas acerca de técnicas de produção, manejo de solo e de cultivos, comercialização etc.

Estiveram presentes na eleição, além do Comitê de Gestão Compartilhada, o superintendente regional da Codevasf em Petrolina Luiz Manoel, e o gestor de ATER da Codevasf, Osnan Soares, que revelou que, só no ano passado, foram realizados quase 20 mil atendimentos a produtores locais. “Nós realizamos eventos coletivos, cursos, atendimento individual onde visitamos o lote do produtor e pudemos ter um contato mais específico. O objetivo é fazer com que o produtor obtenha o melhor resultado possível em seu lote. Para que isso aconteça é preciso que estejamos sempre disponíveis. A cada ano que passa conseguimos resultados mais expressivos”, conta.

Para contar com o apoio da ATER, basta ser um pequeno produtor com um lote familiar nos perímetros públicos geridos pela Codevasf. Ao todo, são cerca de 2 500 famílias atendidas. Os serviços de ATER também visam incutir nos produtores uma atitude mais responsável quanto ao consumo de água, por exemplo. “Ações junto aos produtores foram realizadas para fazer compreender que irrigar não é simplesmente jogar água no solo. Evapotranspiração, espécies cultivadas, características dos solos e outros dados sobre irrigação foram abordados em reuniões e visitas individuais”, conta Osnan. Ele completa: “Dar essa assistência é função do ATER. Conseguimos fazer com que mudanças do sistema convencional para irrigação localizada (técnica mais econômica) atingissem 68,5% em 2011. A expectativa para 2012 é ainda maior”.