Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Codevasf investe R$ 500 mil em gestão de perímetro no norte da Bahia
conteúdo

Notícias

Codevasf investe R$ 500 mil em gestão de perímetro no norte da Bahia

Cerca de R$ 500 mil estão sendo investidos pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no perímetro irrigado de Glória, na região norte da Bahia, área de atuação da 6ª superintendência regional, sediada em Juazeiro. O montante, oriundo de acordo de cooperação técnica com a Chesf, está sendo destinado à gestão dos serviços técnicos de operação e manutenção da infraestrutura de irrigação de uso comum – o que viabiliza o funcionamento do perímetro, onde estão instaladas 126 famílias de agricultores que sobrevivem principalmente da fruticultura numa área irrigável de 367,5 hectares.
publicado: 05/09/2013 12h21, última modificação: 20/06/2018 17h17

Cerca de R$ 500 mil estão sendo investidos pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no perímetro irrigado de Glória, na região norte da Bahia, área de atuação da 6ª superintendência regional, sediada em Juazeiro. O montante, oriundo de acordo de cooperação técnica com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), está sendo destinado à gestão dos serviços técnicos de operação e manutenção da infraestrutura de irrigação de uso comum – o que viabiliza o funcionamento do perímetro, onde estão instaladas 126 famílias de agricultores que sobrevivem principalmente da fruticultura numa área irrigável de 367,5 hectares.

O Glória é um perímetro com uma grande diversidade de culturas anuais, como uva, banana, maracujá, goiaba, mamão e manga, e também de ciclo curto, como melancia, melão e tomate. O comércio da produção é feito para as Ceasas da região, para varejistas e feiras livres em estados como Pernambuco (Recife e Petrolândia), Alagoas (Maceió, Delmiro Gouveia e Arapiraca), Sergipe (Aracaju e Itabaiana), Ceará (Fortaleza), Espírito Santo (Vitória) e também na Bahia (Salvador e Paulo Afonso).

Divido em quatro miniprojetos – agrovilas 1, 2, 3 e 4 -, o perímetro irrigado Glória é um dos empreendimentos integrantes do Sistema Itaparica, que engloba outros nove perímetros irrigados implantados pela Chesf na região do Submédio São Francisco, em razão da construção da Usina Hidroelétrica Luiz Gonzaga (Usina de Itaparica), em Petrolândia, Pernambuco.

A Chesf está repassando a gestão desses empreendimentos agrícolas para a Codevasf, tendo sido, inicialmente, selecionados dois perímetros para esta experiência piloto: Glória, na Bahia, e Brígida, em Pernambuco.  Para tanto, foi constituído um comitê gestor local em cada um deles, com representantes dos agricultores, do sindicato de trabalhadores rurais, das empresas prestadoras de serviços e da Codevasf. O objetivo é preparar os irrigantes, por meio de uma organização legítima – que será o Distrito de Irrigação -, para que eles possam fazer a gestão do empreendimento conjuntamente com a Codevasf.

“O principal ponto de partida neste momento é a organização dos agricultores, e também a otimização do sistema de irrigação, com correção de vazamentos e balanceamento da pressão e vazão da água nos lotes irrigados”, informa o superintendente regional da Codevasf em Juazeiro, Emanoel Lima.

O perímetro irrigado de Glória está localizado na margem direita do Rio São Francisco, no município de Glória, que faz divisa com os estados de Pernambuco e Alagoas. A principal via de acesso é a BA-210. Esta rodovia está interligada com as rodovias federais BR-110 e BR-116, que ligam a sede do município com a capital do estado e outras regiões do País. A população do município de Glória, segundo dados do IBGE de 2010, é de aproximadamente 15 mil habitantes. Desse total, 2.827 pessoas moram na área urbana, e 12.249 desenvolvem suas atividades no campo.

Sistema Itaparica

A Codevasf administra dez perímetros, localizados na Bahia e em Pernambuco, em convênio com a Chesf. Estes perímetros foram criados pela Chesf na década de 1990 para compensar famílias que viviam na área rural onde se formou o lago da usina hidrelétrica de Luiz Gonzaga, instalada nas proximidades de Petrolândia (PE).

Em 2012 o valor bruto da produção (VBP) destes perímetros, que recebem em conjunto o título de Sistema Itaparica, foi de R$ 126,2 milhões, com produção de 226,3 mil toneladas em área cultivada de 16,9 mil hectares. Os projetos mantêm 16,9 mil empregos diretos e viabilizam 25,4 mil empregos indiretos.


Ouça a notícia da Rádio Codevasf:

http://www.codevasf.gov.br/principal/promocao-e-divulgacao/central-de-radio/materias-e-entrevistas-2013/07-codevasf-investe-r-500-mil-em-gestao-de-perimetro-no-norte-da-bahia.mp3