Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2007 > Codevasf doa Unidade de Piscicultura de Parnaíba à UFPI
conteúdo

Notícias

Codevasf doa Unidade de Piscicultura de Parnaíba à UFPI

Na última segunda-feira (14), foi assinado termo em que a Codevasf fez a doação da Unidade de Piscicultura de Parnaíba à Universidade Federal do Piauí (UFPI).
publicado: 15/02/2011 14h49, última modificação: 20/06/2018 17h10

Na última segunda-feira (14), foi assinado termo em que a Codevasf fez a doação da Unidade de Piscicultura de Parnaíba à Universidade Federal do Piauí (UFPI). Estiveram presentes o superintendente regional da Codevasf em Teresina (PI), Guilherme Almeida Gonçalves de Oliveira; e o reitor da Universidade Federal de Piauí, Luiz de Sousa Santos Júnior.

A Unidade de Piscicultura de Parnaíba, construída por meio de convênio com a Prefeitura de Parnaíba, que doou o terreno, é composta de dois prédios, laboratórios, adutoras, sistema de bombeamento, fábrica de gelo e salas de aula. O empreendimento será incorporado ao curso de Engenharia de Pesca da UFPI.

“A aproximação entre a Codevasf e a UFPI no setor da piscicultura, através da montagem dessa estação, é um marco para a produção e transferência de tecnologia no Piauí. Com isso, vamos aumentar a formação de recursos humanos destinados ao setor”, comentou o superintendente Guilherme Almeida durante a entrega do termo de doação.

Na ocasião, também foram discutidas diversas possibilidades de novas parcerias entre as duas instituições. “Queremos que essa parceria se alongue para outros projetos. Dessa maneira, estaremos fortalecendo ainda mais o ensino e a pesquisa de qualidade na UFPI. Com isso, profissionais mais competentes entrarão no mercado”, frisou o reitor da universidade.

Dentre os projetos destaca-se um piloto na área de agropecuária, a ser desenvolvido na região de Alvorada do Gurguéia, e para estudos na área de desenvolvimento florestal. Além disso, anseia-se a expansão das atividades relacionadas à aquicultura e à pesca, tanto no litoral quanto em águas interiores, a exemplo do que ocorre nas barragens de Bocaina, de Pedra Redonda (situada no município de Conceição do Canindé) e Salinas (em Oeiras).