Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > I Festival da Uva em São João do Piauí
conteúdo

Notícias

I Festival da Uva em São João do Piauí

No município de São João do Piauí, localizado a cerca de 490 km de Teresina, foi realizado o I Festival da Uva, de 29 de janeiro a 1º de fevereiro. A abertura do evento aconteceu contou com a presença do governador do estado, Wellington Dias; superintendente regional da Codevasf em Teresina, Guilherme Almeida Gonçalves de Oliveira; presidente do Banco do Nordeste, Roberto Smith; presidente do Instituto Nacional para Colonização e Reforma Agrária (Incra), Rolf Hachbart, além de secretários estaduais, prefeitos e deputados estaduais e federais
publicado: 03/02/2009 10h13, última modificação: 20/06/2018 17h03

No município de São João do Piauí, localizado a cerca de 490 km de Teresina, foi realizado o I Festival da Uva, de 29 de janeiro a 1º de fevereiro. A abertura do evento aconteceu contou com a presença do governador do estado, Wellington Dias; superintendente regional da Codevasf em Teresina, Guilherme Almeida Gonçalves de Oliveira; presidente do Banco do Nordeste, Roberto Smith; presidente do Instituto Nacional para Colonização e Reforma Agrária (Incra), Rolf Hachbart, além de secretários estaduais, prefeitos e deputados estaduais e federais.

Para a primeira-dama do estado Rejane Dias, secretária para a Inclusão da Pessoa com Deficiência (Seid) e uma das principais incentivadoras e colaboradoras para a realização do festival, o evento somente foi possível graças às parcerias firmadas com a Codevasf, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Sebrae e Prefeitura Municipal. “Marrecas é um exemplo de que o semi-árido tem um grande potencial de investimento. A área atual de 4 hectares vai passar a mil, graças a recursos conseguidos junto à Codevasf no valor de R$ 38 milhões", comentou a primeira-dama.

Na solenidade de abertura do festival foi feita uma homenagem in memoriam a Hildo Diniz, superintendente da Codevasf que trabalhou para a implantação e desenvolvimento do projeto de irrigação Marrecas.

Programação diversificada

Nos demais dias do festival a população de São João do Piauí e os visitantes puderam escolher entre diversas atividades programadas, como passeios ecoturísticos, oficinas gastronômicas, shows musicais, apresentações culturais, visitas aos estandes e ao parreiral de quatro hectares do assentamento Marrecas, feira de produtos das famílias assentadas, palestras e apresentação de pára-quedistas e de grupos folclóricos.

Muitos eventos foram realizados na Barragem do Jenipapo, a 18 km da cidade. O local, que conta com uma boa infra-estrutura de bares, restaurantes, parque de diversões e área para banhistas, recebeu muitos visitantes durante os dias do festival.

Inaugurações

No sábado (31/01) houve uma solenidade de descerramento da placa de inauguração do projeto piloto de Irrigação Hildo Diniz da Silva, falecido em janeiro de 2008. A escolha do nome do Projeto foi de iniciativa das famílias assentadas.

Para produzir uva e outras frutas como goiaba, banana, mamão, firmou-se uma parceria no ano de 2003 entre as famílias assentadas, o Incra e a Codevasf. Na parceria, o Incra foi responsável pela área para produção, a estrada para campo de produção, rede elétrica e poço. À Codevasf coube a implantação de assistência técnica, instalação da área irrigada, expansão da rede de energia e o equipamento do poço.

Além do Projeto, foi também inaugurado o dique de contenção do rio Piauí, afluente do Parnaíba, com o intuito de melhorar o aproveitamento da água na região. Foram investidos nessa obra recursos em torno de R$ 460 mil numa parceria entre a Codevasf e o governo do estado por intermédio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

Na mesma ocasião o governador e o superintendente da Codevasf assinaram a ordem de serviço para a construção da Barragem do Peixe que auxiliará no fornecimento d’água para a fruticultura irrigada no assentamento. Além disso, foi assinada a ordem de serviço para a perfuração de um poço tubular na localidade Lisboa, em São João do Piauí, outra parceria entre a Codevasf e o governo do estado.

Estiveram presentes na inauguração do projeto piloto empresários como o português João Santos da vinícola Rio Sol, de Lagoa Grande-PE, região do vale do São Francisco, e Reginaldo Carvalho do Grupo Carvalho, de Teresina-PI. Ambos conheceram a experiência do plantio de uva no estado e se mostraram admirados com o potencial da região para a produção de frutas.