Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2006 > Balanço de investimentos em Minas Gerais
conteúdo

Notícias

Balanço de investimentos em Minas Gerais

A Codevasf investiu mais de R$ 250 milhões durante 2008 em Minas Gerais em ações e obras nos seus projetos e programas especiais de desenvolvimento sustentável e revitalização da bacia hidrográfica do rio São Francisco
publicado: 14/01/2009 15h57, última modificação: 20/06/2018 17h03

A Codevasf investiu mais de R$ 250 milhões durante 2008 em Minas Gerais em ações e obras nos seus projetos e programas especiais de desenvolvimento sustentável e revitalização da bacia hidrográfica do rio São Francisco, no âmbito do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). A Empresa reafirma, assim, a sua condição de grande indutor do desenvolvimento regional. Para Anderson Chaves, superintendente da Codevasf em Minas, esse resultado deve-se não só ao empenho da sua equipe técnica, mas, principalmente, ao apoio que a Codevasf de Minas Gerais tem recebido do ministro Geddel Vieira Lima, da Integração Nacional, e do presidente da Companhia, Orlando Cézar da Costa Castro.

Além do orçamento próprio da Codevasf, os investimentos foram oriundos de emendas parlamentares, destaques dos Ministérios da Integração Nacional e do Meio Ambiente/ANA e do PAC. O superintendente Anderson Chaves explica que vários outros projetos e programas sociais da Codevasf, que alavancam o desenvolvimento sustentável do vale do São Francisco em Minas também receberam investimento. O dirigente da estatal cita como beneficiados os Perímetros de Irrigação Jaíba, Gorutuba, Lagoa Grande e Pirapora, com obras e ações para melhoramento da infra-estrutura de uso comum; o Programa Arranjos Produtivos Locais, nos segmentos da piscicultura, apicultura, ovinocaprinocultura e fruticultura, com construção de unidades produtivas e de beneficiamentos; o Projeto Amanhã, com a treinamento e capacitação de jovens que atuam no meio rural; a Perfuração de Poços Tubulares em pequenas comunidades rurais e um grande número de outras ações que geram renda e emprego para o pequeno produtor rural.

“Acredito que 2009 poderá ser um ano ainda mais produtivo, pois não faltarão recursos para os principais programas que pretendemos desenvolver, e se depender de trabalho e dedicação para se conseguir sempre mais e melhor para a nossa região, estaremos sempre presentes”, conclui o superintendente da Codevasf em Minas Gerais.