Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2005 > Teste de bombeamento no Baixio de Irecê
conteúdo

Notícias

Teste de bombeamento no Baixio de Irecê

Com a presença do diretor da Área de Engenharia da Codevasf, Clementino Coelho, o superintendente de Bom Jesus da Lapa, Jonas Paulo, consultores de irrigação, investidores da produção do dendê – Adendê (direcionada para o Biodiesel) e autoridades da região foram realizados testes da Estação de Bombeamento do Baixio de Irecê.
publicado: 22/09/2005 10h00, última modificação: 20/06/2018 16h57

Com a presença do diretor da Área de Engenharia da Codevasf, Clementino Coelho, o superintendente de Bom Jesus da Lapa, Jonas Paulo, consultores de irrigação, investidores da produção do dendê – Adendê (direcionada para o Biodiesel) e autoridades da região foram realizados testes da Estação de Bombeamento do Baixio de Irecê.

A Estação tem capacidade para bombear 10,5 m3/s e será utilizada para a implementação da primeira etapa do Projeto Baixio de Irecê. A presença dos consultores e investidores teve o objetivo de implementar a produção do dendê na primeira etapa do Projeto, inserido no Programa do Biodiesel. No dia 5 de setembro, foi firmado o protocolo do Programa em Salvador com a presença da Codevasf, Governo do Estado da Bahia e Petrobras.

O Projeto de implementação das áreas com a Palma (planta que origina o óleo do dendê) será constituído nos moldes da Produção Integrada, voltada ainda para a agricultura familiar, e contemplará os primeiros 1500 ha do Projeto (47 lotes de colonos e 10 empresários). Essa produção viabilizará a construção dos 14 km de canais ainda a serem construídos para finalização dos 5 mil ha da 1ª Etapa do Projeto Baixio de Irecê (47 lotes de colonos e 10 empresários).