Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2017 > Codevasf beneficiará 13 mil moradores do semiárido piauiense com obras de abastecimento de água
conteúdo

Notícias

Codevasf beneficiará 13 mil moradores do semiárido piauiense com obras de abastecimento de água

Ampliar a oferta de água a cerca de 13 mil pessoas afetadas pela estiagem no Semiárido do Piauí. Esse é o objetivo de duas obras que já estão em fase de conclusão pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no estado: a adutora de Massapê, a 386 quilômetros de Teresina, e a barragem de Pedregulho, no município de Dirceu Arcoverde, a 553 quilômetros da capital.
publicado: 22/01/2017 10h35, última modificação: 20/06/2018 17h35

Ampliar a oferta de água a cerca de 13 mil pessoas afetadas pela estiagem no Semiárido do Piauí. Esse é o objetivo de duas obras que já estão em fase de conclusão pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) no estado: a adutora de Massapê, a 386 quilômetros de Teresina, e a barragem de Pedregulho, no município de Dirceu Arcoverde, a 553 quilômetros da capital.

A construção da adutora de Massapê encontra-se em estágio avançado – com 90% de execução física –, e a previsão é que seja concluída até março deste ano. Estão sendo investidos, nesse empreendimento, recursos da ordem de R$ 3,2 milhões.

Quando for finalizada, a adutora levará água potável da barragem Hildo Diniz até residências da zona rural e urbana do município, beneficiando cerca de 2.250 habitantes. A obra possui 12,02 km de extensão em tubos, e a rede de distribuição possui 623 ligações domiciliares, quatro reservatórios e uma estação de tratamento.

A barragem de Pedregulho também está na reta final de conclusão, com 97% de execução física. Construída em torno do rio Pedregulho, a obra terá capacidade de armazenar 9,2 milhões de metros cúbicos de água, com extensão de 390 metros e altura máxima de 17 metros.

A previsão é que a barragem seja concluída em fevereiro próximo. Ao todo, devem ser atendidos11 mil habitantes dos municípios de Dirceu Arcoverde e São Lourenço do Piauí. Já foram investidos em torno de R$ 8,3 milhões no empreendimento.

“Estamos vivendo uma crise hídrica nos últimos cinco anos, sobretudo na região do Semiárido, onde se encontram esses dois municípios. Tanto a adutora de Massapê, quanto a barragem de Pedregulho são obras importantes para ampliar a oferta de água de boa qualidade à população que dificilmente tem acesso a esse recurso”, apontou o superintendente regional da Codevasf no Piauí, Fábio Miranda.

Imagens ilustrativas: https://www.flickr.com/photos/codevasf/sets/72157675088725213/with/32132584342/

Ouça a entrevista do superintendente da Codevasf no Piauí:

https://soundcloud.com/codevasf/superintendente-da-codevasf-no-piaui-fala-sobre-obras-de-abastecimento-no-estado