Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2017 > Codevasf estrutura produção familiar no Norte baiano
conteúdo

Notícias

Codevasf estrutura produção familiar no Norte baiano

Produtores familiares de uma comunidade rural no município de Jacobina, no Norte da Bahia, terão mais facilidade na preparação de suas lavouras em meio a um cenário de estiagem prolongada. Eles foram estruturados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio de sua 6ª Superintendência Regional, sediada em Juazeiro, com trator e implementos agrícolas - uma ação viabilizada com recursos do Orçamento Geral da União destinados à Codevasf por emenda parlamentar.
publicado: 12/04/2017 11h59, última modificação: 20/06/2018 17h36

Mais de 150 famílias do Vale de Caatinga do Moura, em Jacobina, estão agora equipadas com trator e implementos para superar efeitos da seca

Produtores familiares de uma comunidade rural no município de Jacobina, no Norte da Bahia, terão mais facilidade na preparação de suas lavouras em meio a um cenário de estiagem prolongada. Eles foram estruturados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), por meio de sua 6ª Superintendência Regional, sediada em Juazeiro, com trator e implementos agrícolas - uma ação viabilizada com recursos do Orçamento Geral da União destinados à Codevasf por emenda parlamentar.

As mais de 150 famílias vinculadas à Associação dos Pequenos Produtores do Vale de Caatinga do Moura passam a contar com trator, carreta agrícola com capacidade de seis toneladas de carga, grade aradora, niveladora, sulcador leve e roçadeira hidráulica. A ação faz parte de um conjunto de iniciativas voltadas para a inclusão produtiva, a melhoria da qualidade de vida das famílias de agricultores e a superação dos efeitos causados pela seca prolongada que afeta o semiárido baiano.

Mais economia e melhor renda

“Há muitos anos a Codevasf vem desenvolvendo ações que melhoram a vida na nossa região. E agora, com o trator, as nossas necessidades serão supridas. A produção vai aumentar, e cada sócio terá uma renda familiar mais estruturada”, aposta o presidente da associação, Juvenal da Silva Amorim.

“Antes tínhamos que alugar tratores em outras regiões para podermos trabalhar nas lavouras. Era um custo alto para nós, produtores. Agora, além de uma melhor produção, esse maquinário irá proporcionar economia, por não precisarmos alugar máquinas”, ressalta o produtor.

Para o técnico da superintendência regional da Codevasf em Juazeiro, Marcel Assunção, trabalhar com esse tipo de ação e ver os resultados dos investimentos é muito gratificante. “Vimos produtores que antes estavam em uma situação de extrema vulnerabilidade social e econômica e que agora conseguem se manter no campo com o seu próprio trabalho. Isso é uma recompensa muito satisfatória pelas ações que realizamos”, garante.

Outras comunidades do Norte baiano que também praticam a agricultura familiar estão sendo beneficiados com iniciativas semelhantes da Codevasf - é o caso de Paulo Afonso, Mirangaba, Morro do Chapéu e Campo Formoso. Cerca de 80 entidades que congregam pequenos produtores rurais fazem parte de um cadastro de associações que serão beneficiadas até o final deste ano, segundo previsão dos técnicos da Codevasf em Juazeiro.

Fotografia: https://www.flickr.com/photos/codevasf/sets/72157682431591785/with/33796176342/

Ouça os depoimentos citados na matéria:
https://soundcloud.com/codevasf/sets/codevasf-estrutura-producao-familiar-no-norte-baiano