Você está aqui: Página Inicial > Notícias > 2017 > Espaço Cultura Codevasf apresenta a exposição Experimental Cerrado
conteúdo

Notícias

Espaço Cultura Codevasf apresenta a exposição Experimental Cerrado

Flores do cerrado guardadas em caixinhas como uma joia, catalogadas como uma única peça. Assim, o artista paulista Luiz Prieto montou a exposição “Experimental Cerrado”, que fica no Espaço Cultura de 6 a 17 de março.
publicado: 03/03/2017 13h36, última modificação: 20/06/2018 17h35

Exposição é aberta ao público e pode ser visitada até 17 de março

Flores do cerrado guardadas em caixinhas como uma joia, catalogadas como uma única peça. Assim, o artista paulista Luiz Prieto montou a exposição “Experimental Cerrado”, que fica no Espaço Cultura Codevasf de 6 a 17 de março.

São cerca de 20 caixinhas de madeira, onde o artista pintou flores em tinta acrílica, inspiradas em uma viagem que fez à Chapada dos Veadeiros. “A minha inspiração vem também da infância, mas todo trabalho que eu produzo está ligado ao meu cotidiano. Neste trabalho, eu reproduzo imagens da natureza e procuro cada vez mais enriquecê-lo e aprimorá-lo, sentindo cada vez mais vontade de pesquisar a Chapada”, explica o artista.

Luiz Prieto diz que começou a pintar desde sempre, porque teve influência da mãe, avó e avô. “Meu avô gostava de fazer caricaturas, eu dava muita risada com aquilo. Não teve um começo”, conta Prieto. Porém o artista diz que entre os anos de 1997 e 1998 ele fez sua primeira pintura a óleo. “Foi quando eu comecei a entender mais estudos de desenho, luz e sombra”, completa.

Luiz Prieto nasceu em São Caetano do Sul, onde vive e trabalha. O artista é formado em artes visuais com especialização em pintura e já realizou diversas exposições, entre elas: Verde Memória (Sesc São Caetano do Sul - 2015); Aquários (Café Otávio); Apamagis (Associação Paulista de Magistrados – 2016) e recebeu prêmios como Marco da Paz (Pátio do Colégio -2004) e Coletivo Victor Brecheret Abrasci (2014).

No entanto, a exposição que o artista mais se lembra com carinho é a que ele realizou dentro do seu próprio estúdio, em São Caetano do Sul, denominada Paisagem. “Eu acabei não conseguindo ficar mais lá dentro. Tudo se tornou uma obra só, aproveitei janelas, madeiras, todo o espaço. Foi uma quebra da minha rotina de paisagem vertical”, explica.

Luiz Pietro também participou de cerca de 16 exposições coletivas. Mais informações sobre o trabalho do artista podem ser encontradas em seu site www.luizprieto.com.br e https://www.instagram.com/studioluizprieto/

Confira imagens da exposição:

https://www.flickr.com/photos/codevasf/sets/72157680890462726

SERVIÇO
Data:  6 a 17 de março
Local: Espaço Cultura Codevasf
SGAN 601, Ed. Manoel Novaes, Térreo
Sede da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf)
Horário de visitação:  8h às 17h; entrada gratuita
Informações: Assessoria de Comunicação (61) 2028-4758